Este site usa cookies para melhorar a experiência do usuário. Ao utilizar o nosso site você concorda com todos os cookies de acordo com nossa Política de cookies/privacidade. Concordo
Ensino Superior

A Irlanda não é só curso de inglês

postou em 29 abr 2013

A Irlanda acabou virando sinônimo de destino onde se pode aprender inglês com a possibilidade de trabalho. A maioria dos brasileiros embarcam nessa apenas focados no aprimoramento do idioma, mas saiba você que, assim como outros destinos mais populares, a Irlanda também tem muito mais a oferecer? Além dos cursos de inglês, algumas universidades irlandesas circulam na lista das melhores do mundo. Há, ainda, opções em setores de destaque, como o de tecnologia e farmacêutico. Para dar uma ideia desse leque de oportunidades na educação irlandesa, fomos pesquisar o que o país tem a oferecer não apenas na capital Dublin, mas também em outros condados. Daremos alguns exemplos na cidade de Galway, localizada ao oeste do país e conhecida pela vibe jovem.

www.oxfordcourse.net

Foto: Oxford

Certificados – FETAC

Conhecidos como técnicos ou FETAC, eles são uma categoria intermediária entre o ensino médio e uma universidade e proporcionam preparar o profissional para o mercado de trabalho. Você já deve ter visto por aí algumas vagas de emprego exigindo FETAC 5 ou 6, por exemplo. Pois então, eles costumam ser cursos de curta duração – ou máxima de um ano, dependo da área de interesse. Estes nem sempre exigem certificado de proficiência de inglês, porém, sabemos que de nada adianta fazer um curso e não entender o que está sendo ensinado. Vai de cada um julgar-se apto ou não para cursá-los. Existem inúmeras escolas que oferecem este tipo de curso em todos os condados. Veja abaixo alguns exemplos:

Grafton College of Management Sciences 

GMIT

Galway Business School 

Dublin Business School

Institutos de Tecnologia

Se tem um setor que tem superado as expectativas, mesmo em tempos de crise, é o tecnológico. Isso explica-se facilmente pelo potencial e reputação dos centros de ensino tecnológico instalados no país. Eles estão em todos os lugares e atualmente são os grandes incentivadores das empresas estrangeiras que têm se instalado na Ilha Esmeralda de olho no potencial desses profissionais. Então, se você se interessa pelo setor, saiba que desembarcou no país certo. Em Galway, uma boa opção é o Galway-Mayo Institute of Technology, que oferece cursos de meio período ou integrais em áreas como: Engenharia, Ciências e Tecnologia, Artes, dentre outras. Para saber o calendário de inscrições, acesse o site.

Universidades

Para falar sobre cursos em universidades, usarei como exemplo a Universidade Nacional da Irlanda, campus Galway (conhecida como NUI Galway). A primeira coisa a se fazer é visitar o site da universidade e buscar o curso que te interessa. Cursos de graduação costumam ser encontrados na parte de “Undergraduate” e os de Pós-graduação em “Postgraduate“. Os requisitos para conseguir uma vaga nas universidades são basicamente os mesmos que conhecemos para cursos de inglês, ou seja: seguro saúde, dinheiro, comprovante de acomodação, carta do curso e o GNIB.

Muitos destes cursos estão registrados junto ao Departamento de Educação e dão direito à trabalho no mesmo esquema do visto de inglês.

Porém, para fazer um curso em uma universidade da Irlanda, você precisará também de algum certificado que comprove seu nível de inglês. Para a NUI Galway, por exemplo, a exigência é:

– Cursos de Artes, Negócios, Medicina e Direito: IELTS com pontuação de 6.5.

– Cursos de Engenharia, TI e Ciências: IELTS com pontuação de 6.0.

É importante você saber que quase todas as escolas de inglês daqui oferecem cursos para ajudar no teste.

Outra dica interessante é que existe um site chamado PAC (Postgraduate Applications Centre), em que você pode aplicar para vários cursos das universidades na Irlanda. Vale a pena, também, dar uma olhada no FAQ, onde você poderá tirar várias dúvidas.

Infelizmente, o preço cobrado para nós, brasileiros ou não-europeus, de forma geral é bem maior que o preço pago por um europeu. Para se ter uma ideia, o curso de mestrado em Engenharia de Software e Banco de Dados para estudantes não-europeus, por exemplo, custa praticamente o dobro do que o que é cobrado para estudantes europeus (algo em torno de  €8.300 euros).

Universidade Aberta

Outra opção é a Open University, que existe tanto na Irlanda quanto no Reino Unido, uma universidade onde você pode fazer a maioria dos cursos on-line e o pagamento é facilitado. Se optar por um mestrado, por exemplo, vamos supor que tenha que cursar 15 matérias, que lhe custarão €6,500 (valor fictício!). Numa universidade tradicional, você teria que pagar o valor integral do curso, já na Open University, você pagará por matéria. Ou seja, você pode fazer uma matéria de cada vez e só começa outra quando quiser ou tiver dinheiro.

Encontrou algum erro ou quer nos comunicar uma informação?
Envie uma mensagem para [email protected]

Este artigo é de autoria de E-Dublin - Tudo para seu intercâmbio em Dublin e na Irlanda!

Sobre o Autor


Fundador e CEO do E-Dublin, Edu chegou na Irlanda em 2008, no ano pré-crise, pegou a nevasca de 2010 e comeu cérebro de cabra em Marrakesh. O Edu também é baterista da banda Irlandesa Medz.

Veja todos meus outros Posts

Orçamento Fácil

Preencha um formulário e receba orçamento de escolas e agências

Comece agora

E-Dublin: Tudo sobre Intercâmbio

Recentes e populares

Agenda Cultural

15 eventos para curtir pela Irlanda em setembro

1 mês atrás, por Elizabeth Gonçalves
Ensino Superior

Quais são as melhores universidades irlandesas?

2 meses atrás, por Elizabeth Gonçalves
Cursos de Inglês

Intercâmbio depois dos 50 anos

3 meses atrás, por Deby Pimentel
Crônicas

Flores ao Vento

3 meses atrás, por Colaborador E-Dublin
Ensino Superior

MBA na Irlanda: É possível para brasileiros?

3 meses atrás, por Colaborador E-Dublin
E-Dublin TV

Um dia em Galway – All That Jess#88

4 meses atrás, por Tarcisio Junior
Irlanda

Que tal investir em cinema na Irlanda?

4 meses atrás, por Elizabeth Gonçalves