Alimentação

Quanto custa viver na Irlanda?

Elaine Wzorek postou em 27 mai 2013

contas

Essa é uma das perguntas mais repetidas pelos candidatos a um intercâmbio na Irlanda e também, pelos brasileiros que chegam à Ilha. Os motivos são diferentes. No primeiro caso a resposta ajuda a calcular quantia financeira necessária para se manter até conseguir o sonhado emprego, seja ele sub ou não. No segundo caso, serve para programar viagens e saber se o emprego será suficiente para uma vida modesta, mas confortável.

Basicamente as despesas mensais de um estudante em Dublin, além do aluguel e do supermercado (já falamos dos custos de moradia e compras semanais aqui no E-Dublin), são as contas de energia elétrica e gás (que são bimestrais), celular, internet e uma verba para pubs e baladas. Podemos chegar a um valor médio, mas as contas variam muito de casa para casa.

luiz-300x225

Luiz Antonio Cordeiro recomenda ter algumas regras em casa para o uso de energia elétrica. Foto: Arquivo pessoal

O estudante Luiz Antonio Cordeiro sugere conhecer o perfil do lugar onde você vai morar. Saber, por exemplo, se existem regras para o uso de gás e energia entre os moradores. “Quando cheguei, aqui era desorganizado. Depois que duas pessoas saíram da casa, mudamos algumas coisas simples, mas que fizeram a diferença.” Entre as mudanças Luiz cita a regra de só ligar a máquina de lavar após às 23h, e apenas uma vez por dia. “Não sei se deu muita diferença efetivamente, mas pelo menos eu sei quando posso usar e também temos certeza de que ela não vai ficar ligada 24 horas por dia”, explica ele. A última conta na casa do Luiz foi de 300 euros (por dois meses), dividida entre os quatro moradores do apartamento (75 para cada). A casa não tem fornecimento de gás. O chuveiro e o aquecimento das torneiras são elétricos, assim como os aquecedores, que são três: na sala, e em cada um dos dois quartos. Além da energia, Luiz gasta 20 euros por mês colocando crédito no celular, 13 de internet (já divididos entre os dois moradores) e mais 12 euros pelo selo do lixo (sim, na Irlanda temos que pagar pela coleta do lixo). Ele ainda reserva em média 25 euros por mês para pubs e baladas, valor que varia de mês para mês. São 108 euros de despesas mensais, fora o aluguel e as compras de supermercado.

larissa-225x300

Larissa Viana: susto com a conta de gás. Foto: arquivo pessoal

A paulista Larissa Viana, acrescenta os gastos com transporte e a conta de gás (bimestral). Ela conta que as últimas foram bem salgadas: “Veio 257 euros. Eu quase tive um ataque, mas as meninas (flatmates) disseram que foi por causa do inverno e que agora vai diminuir.” Larissa divide uma casa de 4 quartos com outras 3 meninas. O chuveiro e o aquecedor são a gás. A conta de energia elétrica gira em torno de 40 euros por pessoa (também a cada dois meses). Ela gasta mais 12 euros mensais de internet e 17,80 por semana de transporte. São mais 5 euros por semana com o lixo e cerca de 30 euros por mês para baladas e restaurantes. A conta fecha em €185,20. O que mais pesa é o transporte, que Larissa usa para chegar ao trabalho. Além de Dublin, ela também já morou em Londres e conta que a diferença de preço é pequena: “Apesar do pessoal dizer que Londres é mais cara, na minha opinião, às vezes sai um pouquinho mais barato que aqui. Lá minhas despesas eram todas juntas e por semana. Cada semana eu pagava por um quarto single 70 pounds (libras) com tudo incluso e mais 20 pounds  de transporte por semana, ou seja, 7 dias e não 5, e você pode andar em todos os tipos de transporte (metrô e ônibus).” Convertendo de libras para euros, a Larissa gastava em Londres 336 euros mensais com tudo. Aqui ela paga 155 (menos baladas e restaurantes), mais o aluguel.

Estes dois exemplos mostram que as despesas podem variar de acordo com a necessidade e disponibilidade de cada um. Dá para passar o mês com 500 Euros? Para a paulista Karina Miguel, é perfeitamente possível viver com essa quantia. Ela montou uma planilha e desde que chegou em Dublin, há cerca de 5 meses, anota cada centavo gasto, desde a passagem de ônibus até o lanche de 3 euros do supermercado. “Nos primeiros meses é preciso viver perto da escola para economizar com transporte e não cair na tentação de comer no fast-food. Além disso, dá pra sair e se divertir sem gastar muito com bebidas. Em alguns pubs a pint custa 3,50 e não 5 euros e, ainda dá para reunir os amigos e fazer o famoso esquenta, assim não se gasta na rua”, ensina ela. Karina, que é formada em administração de empresas, também recomenda fazer passeios baratos como museus, parques e visitar as cidades mais próximas de Dublin.

Resumo da ópera:

O E-Dublin perguntou a 10 estudantes brasileiros se é possível viver com 500 euros por mês:

7 responderam que sim, é possível se você controlar os gastos e economizar;

3 responderam que não, é preciso de 600 a 700 euros por mês para se manter.

Ter disciplina e segurar a onda não é fácil quando se está vivendo em um país totalmente diferente. Logo nos primeiros dias temos vontade de experimentar tudo, desde as comidas na rua, as guloseimas no supermercado até as dezenas de cervejas diferentes nos pubs (agora, falo por experiência própria!). Faça as contas e prepare sua planilha desde já, para aproveitar seu intercâmbio da melhor maneira possível e não ficar sem dinheiro antes da hora!

Clique aqui e peça seus orçamentos agora para os parceiros do E-Dublin e comece a comparar as opções!

Esse texto foi revisado e atualizado em maio/2013 por Camilla Gómez.
Os valores citados podem sofrer alterações sem aviso prévio.

Sobre o Autor


Elaine Wzorek

Orçamento Fácil

Preencha um formulário e receba orçamento de escolas e agências

Comece agora

Recentes e populares

Alimentação

Compras do mês em Dublin por Felipe Franco

6 meses atrás, por Ávany França
Top 5

Dicas para vegetarianos na Irlanda

6 meses atrás, por Elizabeth Gonçalves
Conte Sua Historia

Torrando meus reais na Irlanda

6 meses atrás, por Ávany França
E-Dublin TV

Batatas, celulares e um dente quebrado

8 meses atrás, por Mah Marra
Alimentação

Intercâmbio X Obesidade: Fuja dessa cilada

8 meses atrás, por Elizabeth Gonçalves
Como alugar

Como fazer? Alugando um flat no Daft

1 ano atrás, por Edu Giansante
E-Dublin News

Água potável passará a ser paga – E-News #192

1 ano atrás, por Colaborador E-Dublin