Este site usa cookies para melhorar a experiência do usuário. Ao utilizar o nosso site você concorda com todos os cookies de acordo com nossa Política de cookies/privacidade. Concordo
Cultura

10 destinos para os amantes das artes na Europa

Carol Braziel postou em 04 nov 2015

Se você é daquelas pessoas que quando pensa no roteiro europeu, já o monta com base nas cidades com os melhores museus e que mais representam a história da arte no mundo, aqui vai nosso TOP 10 com as cidades obrigatórias em seu planejamento.

1. Roma, Itália

Se você procura uma cidade onde basta estar para ver e respirar arte, essa cidade é Roma. Com inúmeras possibilidades, você se delicia com tanta história, arte, cultura e se impressiona com suas construções milenares. Seja uma ruína como a do Foro Romano; igrejas como o Pantheon, a Santa Maria del Popolo ou a Santa Maria dei Miracoli; as fontes belíssimas como a Fontana di Trevi ou Fontanella degli Innamorati, que garante fidelidade eterna aos casais que beberem juntos a sua água. Sem esquecer, é claro, do lindo e majestoso Coliseu, parada obrigatória para todo e qualquer visitante.

É em Roma que também que encontramos o Vaticano com sua Basílica de São Pedro e seus museus com o melhor e maior acervo de arte sacra renascentista do mundo!

Fontana di Trevi. Créditos: Pixabay.

Fontana di Trevi. Créditos: Pixabay.

2. Veneza, Itália

Juntamente com Roma e Florença, Veneza é considerada como a “terra dos sonhos” da Itália. Com suas gôndolas deslizando pelos canais que unem suas ilhas, cortados por pontes em arco que imortalizaram a cidade que atrai visitantes do mundo todo. Obrigatório conhecer a Piazza San Marco no final da rua Mercerie, onde verá a Torre Dell’Orologio, a Basílica de San Marco e Campanile e o Palazzo Ducale, grande obra da arte gótica.

Veneza e suas gôndolas. Créditos; Pixabay.

Veneza e suas gôndolas. Créditos; Pixabay.

3. Florença, Itália

Considerada por muitos como berço da arte e cultura europeia, Florença é a grande referência artística e cultural dos séculos XV e XVI, rumo ao Renascimento. Capital da Toscana, a cidade, que fica às margens do Rio Arno, possui aproximadamente 40% do acervo artístico da Itália em seus museus e ruas. Incrível, não? Não é atoa que atraiu escritores e pensadores como Dante Alighieri, Galileu, Maquiavel, Leonardo da Vinci, Michelangelo, Botticelli e Donatello. No roteiro não pode faltar o Palazzo Pitti (antiga residência da família Medici), o Jardim de Bóboli e a Igreja Santo Spirito. Além, é claro, de andar pelo centro histórico da cidade com sua maravilhosa Duomo, a Piazza della Signoria, o Palazzo Vecchio, a Galeria Uffizi, as igrejas Santa Croce e Santa Maria Novella.

Dica: Para atravessar o Rio Arno, opte pela Ponte Vecchio. Não se arrependerá!

Ponte Vecchio. Créditos: Pixabay.

Ponte Vecchio. Créditos: Pixabay.

4. Versalhes, França

Passeio obrigatório para os viajantes que estão passando por Paris, chegar a Versalhes para conhecer seu palácio é bem tranquilo, basta usar o RER (Réseau Express Régional), uma rede de trens expressos com conexões regulares a várias estações do metrô de Paris. O trajeto leva cerca de 40 minutos. A construção, que impressiona pelos extravagantes detalhes, pelos imensos jardins e pela a imponência do palácio, foi construída pelo Rei Luís XVI, transformando sua propriedade de caça em um centro do poder da realeza francesa.

Dica: Não perca o famoso pôr do sol sentado na escadaria do Palácio. É motivo de aplauso.

Palácio de Versailles. Créditos: Pixabay.

Palácio de Versailles. Créditos: Pixabay.

5. Barcelona, Espanha

Conhecida como centro do design e arquitetura catalã, a cidade do famoso Antoni Gaudí é repleta de obras do arquiteto. Não tem como não se encantar passeando pelas Ramblas com seus prédios incríveis, como a Casa Milà “La Pedreira” ou Casa Batló. Tomar um café sentado no Parc Güell, observando todas aquelas cores e diferentes moldes, visitando o Museu de Gaudí dentro do próprio parque, não deixando para trás o Palau de la Musica, Museo Picasso, La Sagrada Família e o Parc Montjuic.

Parc Güell. Créditos: Pixabay.

Parc Güell. Créditos: Pixabay.

6. Milão, Itália

Centro econômico da Itália, quem visita Milão não busca tendências e ideias à toa. A arte e o design são os pontos mais marcantes da cidade tida como uma das mais cosmopolitas do país que, assim como a maioria das cidades italianas, é um verdadeiro museu ao ar livre, com lugares como a Duomo, terceira maior catedral gótica do mundo, a Pinacoteca di Brera e o teatro Scala Milão, que garantem momentos incríveis a todo visitante.

Dica: Não deixe de visitar o Museu da Ciência e da Técnica Leonardo da Vinci, onde poderá ver de pertinho algumas obras do artista e inventor e o Convento de Santa Maria dele Grazie, que tem em seu refeitório o original da Santa Ceia.

Duomo. Créditos: Pixabay.

Duomo. Créditos: Pixabay.

7. Paris, França

Destino obrigatório na rota das artes na Europa, a tão famosa Cidade Luz é conhecida por ser uma das mais românticas do mundo e por oferecer tesouros da arte e da cultura em inúmeros lugares belíssimos pela cidade. Seja visitando a Catedral de Notre Dame, a Basílica de Sacré-Coeur ou o Museu do Louvre, antigo palácio do século 12 que foi convertido em um dos museus mais visitados do mundo, com média de oito milhões de visitantes/ano. Sem esquecer, é obvio, da tão procurada Torre Eiffel, símbolo de Paris e do romantismo que a cidade desperta em seus visitantes e moradores.

Museu do Louvre. Créditos: Pixabay.

Museu do Louvre. Créditos: Pixabay.

8. Istambul, Turquia

Localizada no Estreito de Bósforo, Istambul já foi nomeada como capital europeia da cultura em 2010. Com sua arte bem tradicional, é repleta de riquezas, com construções históricas como a antiga catedral – hoje museu – bizantina Hagia Sophia; a chamada Mesquita Azul, cujo nome oficial é Mesquita Sultão Ahmed; o Palácio Topkapi e a Torre de Gálata, construída pelos genoveses. Além do Grande Bazar, um dos maiores e mais antigos mercados do planeta, cheios de cerâmicas e artesanatos tradicionais na cultura turca.

 Mesquita Sultão Ahmed "Mesquita Azul". Créditos: Pixabay.

Mesquita Sultão Ahmed “Mesquita Azul”. Créditos: Pixabay.

9. Londres, Inglaterra

A capital britânica é considerada por muitos roteiro obrigatório para os amantes de arte. Não é à toa que alguns dos pontos turísticos mais visitados são os museus. Seja o Museu Britânico, com seus mais de sete milhões de objetos expostos, passando por Tate Modern, considerado um dos museus de arte moderna mais importantes do planeta, com obras datadas de 1900 até os dias de hoje ou então o National Gallery, com sua obras anteriores a 1900, a cidade oferece opções para todos os estilos.

Dica: Não deixe de passear pela Mayfair, bairro chique de Londres que abriga algumas das galerias de arte mais tradicionais da Inglaterra, como Gagosian, Pace, Hauser & Wirth, Michael Werner, David Zwirner.

Museu Britânico. Créditos: Pixabay.

Museu Britânico. Créditos: Pixabay.

10. Viena, Áustria

Com um roteiro de arte espetacular, Viena encanta com seus museus maravilhosos, como o Museu da História da Arte, que possui um acervo dedicado ao pintor belga Pieter Brueghel, incluindo a Torre de Babel e O Estúdio do artista Johannes Vermeer; O Albertina, museu de artes gráficas e o Museu do Sigmund Freud, onde antes foi seu consultório. Além das igrejas, como Votivkirche, com estilo neogótico que impressiona pela imponência e detalhes.

Museu de História da Arte. Créditos: Pixabay.

Museu de História da Arte. Créditos: Pixabay.

Revisado por Tarcisio Junior
Encontrou algum erro ou quer nos comunicar uma informação?
Envie uma mensagem para [email protected]

Sobre o Autor


Carolina Braziel é formada em Relações Públicas e pós-graduada em MKT pela ESPM|Brasil. Com mais de seis anos de experiência em MKT, decidiu vivenciar o sonho de morar na Europa, mais precisamente na terra dos Leprechauns. Apaixonada incurável por viagens, tem como vício a leitura e pesquisa sobre destinos, curiosidades e roteiros de viagens pelo mundo.

Veja todos meus outros Posts

Orçamento Fácil

Preencha um formulário e receba orçamento de escolas e agências

Comece agora

E-Dublin: Tudo sobre Intercâmbio


Recentes e populares

Destinos de Intercâmbio

Melhores universidades para estudar na Europa

3 semanas atrás, por Elizabeth Gonçalves
Irlanda

Dublin ocupa 34ª posição em ranking de qualidade de vida

3 semanas atrás, por Elizabeth Gonçalves
Agenda Cultural

15 eventos para você aproveitar na Irlanda em abril

3 semanas atrás, por Elizabeth Gonçalves
Economia

Dublin está mais cara que Londres, aponta ranking

4 semanas atrás, por Elizabeth Gonçalves
Cultura

Como é a Páscoa na Irlanda?

1 mês atrás, por Colaborador E-Dublin
Curiosidades

Conheça a Irlanda com a ajuda de moradores locais

2 meses atrás, por Publicidade E-Dublin
Festivais

Vem aí o Five Lamps Festival em Dublin

2 meses atrás, por Elizabeth Gonçalves
Publicidade

E-DublinXP II – Conheça nossos expositores: Twin UK

2 meses atrás, por Publicidade E-Dublin
E-Dublin TV

Interior da Irlanda, Whiskey Tullamore

2 meses atrás, por Mah Marra
Cultura

Shows que vão bombar na Irlanda em 2018

3 meses atrás, por Elizabeth Gonçalves
Dicas de Viagem

Roteiro de cinco dias em Londres

3 meses atrás, por Colaborador E-Dublin
Festivais

5 destinos para curtir o carnaval pela Europa

3 meses atrás, por Deby Pimentel
Agenda Cultural

Agenda Cultural Irlanda 2018

3 meses atrás, por Rubinho Vitti
Dicas de Viagem

5 destinos para curtir neve na Europa

3 meses atrás, por Elizabeth Gonçalves
Pra Onde Ir

Intercambistas contam como é o Ano Novo na Europa

4 meses atrás, por Colaborador E-Dublin
Voluntariado

Você já ouviu falar no Workaway?

4 meses atrás, por Elizabeth Gonçalves
Dublin

Dublin é uma cidade acessível para deficientes?

5 meses atrás, por Elizabeth Gonçalves
E-Dublin TV

Roteiro alternativo em Londres – Hevialand#16

5 meses atrás, por Tarcisio Junior
Dublin

Bate e volta em Dublin? Saiba onde guardar a sua mala

5 meses atrás, por Elizabeth Gonçalves