10 posturas que revelam nossa nacionalidade brasileira

10 posturas que revelam nossa nacionalidade brasileira

Carol Braziel

4 anos atrás

Seguro Viagem

Sabia que é obrigatório ter um seguro viagem para ir pra Europa?

Já fez uma viagem e ficou surpreso em como os gringos pelo mundo a fora sabem que você é brasileiro? Ou após uma simples conversa adivinham “magicamente” nossa nacionalidade? Pois é, além do nosso sotaque, temos algumas características típicas que, segundo eles, nos identificam. Confira algumas!

1. Banho, sim senhor!

Banho sim senhor! Créditos: Shutterstock

Banho sim senhor! Créditos: Shutterstock

 

ECA! Pode parecer brincadeira, mas tem muito europeu que realmente não toma muito banho – pelo menos não como estamos acostumados. Se está muito frio, a probabilidade de pularem para o próximo dia é bem comum. E, acredite, já ficamos conhecidos pela quantidade de banhos. Isso já virou até debate entre flatmates de várias nacionalidades (a razão de tomarmos tanto banho, mesmo no frio!). Para nós, nada melhor que aquele banho “pelando” pra aquecer o corpo e nos fazer dormir melhor no aconchego do edredom… Fala sério, não dá pra fazer isso fedidinho!

2. Sentou na roda? Saberá tudo!

Falamos da família, amigos, relacionamentos e trabalho com tranquilidade e sem muitos receios Créditos: Shutterstock

Falamos da família, amigos, relacionamentos e trabalho com tranquilidade e sem muitos receios Créditos: Shutterstock

Muitos dizem que ficam surpresos com o modo que abrimos nossa vida em apenas uma conversa. Falamos da família, amigos, relacionamentos e trabalho com tranquilidade e sem muitos receios. Muitos dizem que ficam surpresos com o modo que abrimos nossa vida em apenas uma conversa. Falamos da família, amigos, relacionamentos e trabalho com tranquilidade e sem muitos receios.

3. Vem cá, me dá um abraço!

Vai um abraço ai? Créditos: shutterstock.

Vai um abraço ai? Créditos: shutterstock.

Eita povo que gosta de um abraço! Mas poxa, é tão bom, não é mesmo?! Pois bem, nós, brasileiros, somos reconhecidos mundo afora por chegar no local e sair distribuindo abraços como se não houvesse amanhã.

4. A tal camisa de time de futebol

Créditos: shutterstock.

A inconfundível camisa verde amarela que vemos desfilar pelo mundo. Créditos: Shutterstock

Aqui a regra é clara: você pode estar no Coliseu ou na Torre Eiffel,  aí, no meio da multidão, com certeza avistará pelo menos um brasileiro com camisa de time de futebol. Duvida? Dê uma observada com mais calma na próxima vez que for à O’Connell Street, não tem erro…

5. Por falar em futebol…

Já que é pra torcer que seja com muito barulho. Créditos: Shutterstock

Já que é pra torcer que seja com muito barulho. Créditos: Shutterstock

Meu amigo, acredite, torcedor igual ao brasileiro é difícil achar, viu?! Se está duvidando, compre ingressos para uma partida de um time europeu, de preferência que tenha um brasileiro jogando. É engraçadissímo! Fizemos o teste em um jogo do Barcelona x Real Betis, no Camp Nou. Resultado? Em menos de 15 minutos, todos no lugar sabiam que éramos brasileiros (de conversarem com a gente perguntando de qual parte do Brasil nós éramos!) e, de quebra, descobrimos mais uma turma de brasileiros do outro lado do estádio. Como fizemos isso? Simples! Apenas torcemos como sempre fizemos. Pulamos, gritamos, nos abraçamos e gritamos mais um pouco. O europeu é bem mais contido, minha gente. Até gritam, mas logo depois batem palmas e sentam bonitinhos aguardando os novos lances. Bem diferente de nós, concordam?

6. Brazilian?

Os mais alegres e estusiasmados turistas do mundo. Créditos: Shutterstock.

Os mais alegres e estusiasmados turistas do mundo. Créditos: Shutterstock.

Falemos com sinceridade, quem nunca viajou pela Europa e assim que deu uma risada mais entusiasmada ouviu um “Brazilian!”? Que a alegria do brasileiro contagia, já sabemos, mas ela também virou nossa característica. Somos conhecidos pela alegria e por deixar isso bem claro, onde quer que vamos.

 7. Falar outro idioma! Sabe “Cara de pau”?

Pois é! Somos caras de pau. E somente um bom “cara de pau” identifica outro a quilômetros de distância. Quantas vezes olhamos para uma situação e falamos… “são brasileiros, certeza!”. Pode ser ao tentarmos falar um portunhol descarado, achando que estamos abalando as estruturas, enquanto o espanhol olha com cara de “Meu Deus!”. Ou quando gesticulamos e falamos como os atores da globo em uma das novelas “Terra Nostra” da vida e realmente começamos a acreditar que detonamos no italiano – ou tentamos o “embromation”no inglês. Brincadeiras à parte, nós nos viramos com ou sem dicionário na mão. Damos um jeito, puxamos da cartola uma palavra e tocamos a conversa!

8. Somos os últimos a chegar e sair das festas

Quem nunca chegou 5 minutinhos atrasado no city tour e ouviu um “brazilians, right?” ou enquanto a festa está boa, a conversa está ótima e já deu 3 da manhã (horário que as baladas fecham na Irlanda e boa parte da Europa) e o segurança “gentilmente”solicita que deixemos o local? Temos que admitir, somos mesmo os últimos a chegar, mas também os últimos a sair!

É verdade, não somos muito bons com essa coisa de horário. Créditos: Shutterstock.

É verdade, não somos muito bons com essa coisa de horário. Créditos: Shutterstock.

9.  Flip flops?

Ah! Não restam dúvidas quanto a isso. Se pudéssemos, faríamos tudo de chinelo! E também já nos identificam por mais essa peculiaridade. Se está calor o suficiente (e às vezes mesmo no frio), nossos chinelos dominam e vamos ao parque, supermercado, shopping, churrasco ou festa mais descontraída com os nossos amados.

Ah a gente ama as nossas havaianas. Créditos: shutterstock.

Ah a gente ama as nossas havaianas. Créditos: shutterstock.

10. SELFIES! YEAH!

Já fomos até “zoados” por americanos sobre como gostamos das selfies e das formas inusitadas para sairmos bem nelas. Pois bem, acreditem, já nos identificam MESMO por conta das nossas “despretensiosas” fotos com aquele fundo perfeito para o Insta, Snapchat ou Face!

Selfies é a marca registrada dos brasileiros. Foto: Pixabay

Selfies é a marca registrada dos brasileiros. Foto: Pixabay

E você? Já ouviu de algum gringo outra característica que só nós temos? Nos conte nos comentários! :)

Revisado por Tarcísio Junior
Encontrou algum erro ou quer nos comunicar uma informação?
Envie uma mensagem para [email protected]

Carol Braziel
Carol Braziel, Formada em Relações Públicas e pós-graduada em MKT pela ESPM|Brasil. Com mais de seis anos de experiência em MKT, decidiu vivenciar o sonho de morar na Europa, mais precisamente na terra dos Leprechauns. Apaixonada incurável por viagens, tem como vício a leitura e pesquisa sobre destinos, curiosidades e roteiros de viagens pelo mundo.

Este artigo foi útil?

Você tem alguma sugestão para a gente?

Obrigado pelo feedback! 👋

O que ver em seguida

Cadastre-se em
nossa newsletter

Seu email foi cadastrado.

Cadastrar outro email

Comentários

🍪

Este site usa cookies para personalizar a sua experiência. Ao utilizar o E-Dublin você concorda com a nossa política de privacidade.

Aceitar e fechar