4 formas de procurar emprego em Dublin

4 formas de procurar emprego em Dublin

Elizabeth Gonçalves

2 anos atrás

Siga o E-Dublin no Instagram

“Existe a melhor maneira de procurar emprego na Irlanda?” – Certamente essa é uma das principais perguntas de quem está buscando uma colocação no mercado de trabalho por aqui e também de quem está prestes a embarcar num intercâmbio em direção à Ilha Esmeralda.

A resposta é que tudo depende do seu empenho na busca por uma vaga e também de um pouco de sorte. Por isso, hoje compartilho aqui com vocês a minha experiência pessoal e os resultados que obtive de cada tentativa.

1. Porta a porta

Foto: Shutterstock

Foto: Shutterstock

Para muitas pessoas, bater perna por Dublin e entregar o currículo pessoalmente em lojas, cafés e restaurantes é a maneira mais eficiente de se encontrar um trabalho.

Confesso que fiz muito disso, mas, provavelmente pela timidez, poucas vezes tive coragem de engatar uma conversa com o gerente ou proprietário a fim de me oferecer para um teste, o que é fundamental quando se está nas ruas em busca de emprego.

Para compensar, investi na produção de um currículo bacana, impresso em papel especial, numa tonalidade e gramatura diferente das tradicionais folhas de sulfite, para que pelo menos em uma pilha de currículos o meu tivesse algum destaque.

Resultado: não tenho o número exato de quantos currículos entreguei pessoalmente, mas acredito que foram bem mais de 60. Desses, apenas uma vez fui chamada para a entrevista.

2. LinkedIn

Foto: Shutterstock

Foto: Shutterstock

Depois de ver essa matéria publicada no E-Dublin, corri no LinkedIn e fiz o meu perfil. Já conhecia essa rede social, mas até então nunca havia pensado em fazer parte dela.

No LinkedIn é possível visualizar vagas de empregos oferecidas por grandes empresas. Pesquisei e pelo próprio site enviei currículos para aquelas que se adequavam ao meu perfil e também à minha experiência na Irlanda.

Em pouco mais de uma semana veio um convite para entrevista. A conversa foi super bacana, mas a vaga saía um pouco do que eu estava buscando naquele momento. Mesmo assim, ponto para o LinkedIn!

3. Cadastro online e sites de recrutamento

Foto: Shutterstock

Foto: Shutterstock

A maioria das grandes empresas na Irlanda realiza recrutamento apenas por seus próprios websites. Por isso, enquanto eu procurava trabalho, tinha também como exercício diário entrar em cada um desses portais e verificar a oferta de vagas. Foi dessa forma que consegui o maior número de entrevistas e também meu emprego atual.

Outra ferramenta importante e que dá resultados são os sites de recrutamento, como o Jobs.ie, Indeed e Top Language Jobs. Obtive muitos retornos para os currículos que enviei por esses portais.

4. FÁS / SOLAS

Foto: Divulgação

Foto: Divulgação

O FÁS, sigla em gaélico para Foras Áiseanna Saothair, que em tradução livre para o português significa Autoridade em Emprego e Treinamento, é um órgão pertencente ao governo irlandês que anuncia vagas de empregos por todo o país e também oferece cursos profissionalizantes gratuitos.

Esse órgão foi dissolvido em julho de 2013 e desde então se chama SOLAS. Entre os mais de 100 e-mails com currículo que enviei para as vagas anunciadas, apenas três me retornaram agradecendo o envio. O tão esperado convite para uma entrevista nunca chegou. Inclusive, não conheço uma única pessoa que conseguiu emprego por esse órgão. Por acaso alguém aí conhece?

Revisado por Tarcísio Junior
Imagens via Shutterstock
Encontrou algum erro ou quer nos comunicar uma informação?
Envie uma mensagem para [email protected]

Elizabeth Gonçalves
Elizabeth Gonçalves, Jornalista viciada em cinema, música e literatura. Paulistana, se apaixonou por Dublin, onde mora há cinco anos e sonha em fazer uma viagem de volta ao mundo.

Este artigo foi útil?

Você tem alguma sugestão para a gente?

Obrigado pelo feedback! 👋

O que ver em seguida

Cadastre-se em
nossa newsletter

Seu email foi cadastrado.

Cadastrar outro email

Comentários

🍪

Este site usa cookies para personalizar a sua experiência. Ao utilizar o E-Dublin você concorda com a nossa política de privacidade.

Aceitar e fechar