5 formas de boicotar o seu intercâmbio

5 formas de boicotar o seu intercâmbio

Colaborador E-Dublin

4 semanas atrás

Quanto custa um intercâmbio?

Não vendemos pacotes e nem somos agência,
mas podemos te colocar em contato com elas.

É muito mais comum ouvir dicas sobre o que fazer no seu intercâmbio do que pegar aquelas dicas valiosas do que NÃO fazer — e acredite, isso fará toda a diferença! Se você estiver fazendo qualquer uma (ou todas) das cinco situações abaixo, pare, pense e comece de novo.

1 – Não pesquisar sobre o país de destino

Não se esqueça de pesquisar e buscar informações sobre o país escolhido. Foto: Shutterstock

Você sabe qual a língua oficial na Irlanda? Sabe como conseguir regularizar sua documentação ou os melhores sites e lugares para buscar emprego ou acomodação? Uma coisa é certa: o maior erro dos intercambistas é não pesquisar. Você que está indo para o desconhecido ou já esta nele, vai ficar muito mais perdido se estiver despreparado e cheio de limitações por falta de informação.

2 – Não se envolver com a cultura local

Envolver-se na cultura local será determinante para uma melhor inserção. Foto: Shutterstock

O novo assusta sim, mas também é uma ótima oportunidade para explorar e descobrir, inclusive, coisas sobre você mesmo. Não se envolver com a comunidade local é o mesmo que não se entregar à realização de um sonho e viver preso ao “modo turista”. Então, prove a comida, vá para o interior, converse com o senhor cabisbaixo do ônibus, divida uma pint com um desconhecido… Permita-se!

3 – Tratar os outros brasileiros como inimigos ou adversários

Uma coisa é fato: ninguém consegue fugir da comunidade mais acolhedora da Irlanda. Você vai precisar, sim, filtrar suas amizades na Ilha, mas, na hora da aperto, da saudade ou daquele churrasco delícia no verão, serão, em geral, os brasileiros que estarão ao seu lado, ajudando com currículo, com indicações, com casa, com tudo. Esquecer de onde veio é um tiro no pé.

4 – Não alimente pensamentos negativos

Pessoas negativas ou tóxicas atraem aquilo que doam para o mundo. Faça um exercício: toda vez que pensar negativamente sobre qualquer assunto, anote! Você ficará impressionado com os monstros que cria durante o dia. Vá ser feliz e não se preocupe com o horário de voltar.

5 – Esquecer o motivo que te trouxe até aqui

Um dos erros ao chegar no intercâmbio é esquecer o objetivo principal: aprender inglês. Foto: Shutterstock

Enquanto planejava seu intercâmbio, quais eram seus objetivos? Trabalhar? Dedicar-se exclusivamente ao estudo e ficar fluente em 6 meses? Conhecer 15 países em 1 ano? Fazer um amigo gringo? Então, me diz qual é o motivo pelo qual muitos chegam aqui e simplesmente deixam a vida passar sem, ao menos, pensar nos seus antigos sonhos? Foque nas suas escolhas!

Resumindo, é aquele velho clichê: “cada um é cada um”. Não tome as experiências dos outros como suas. A oportunidade de fazer um intercâmbio ainda é para poucos, viva cada segundo.

Precisando de orçamento para o seu intercâmbio na Irlanda? Comece por aqui!

Veja também

Quanto custa e como pagar por um intercâmbio

Debora Souza,

Debora mora na Irlanda há 2 anos, trouxe na bagagem o namorado que virou marido e um monte de sonhos que se encaixaram com a Irlanda. Publicitária, ariana e apaixonada por gente de alma e coração inquietos.

Este artigo foi útil?

Você tem alguma sugestão para a gente?

Obrigado pelo feedback! 👋

O que ver em seguida

Cadastre-se em
nossa newsletter

Seu email foi cadastrado.

Cadastrar outro email

Comentários

🍪

Este site usa cookies para personalizar a sua experiência. Ao utilizar o E-Dublin você concorda com a nossa política de privacidade.

Aceitar e fechar