Este site usa cookies para melhorar a experiência do usuário. Ao utilizar o nosso site você concorda com todos os cookies de acordo com nossa Política de cookies/privacidade. Concordo
Destinos de Intercâmbio

Blogueiros pelo mundo: Dublin, Irlanda

Colaborador E-Dublin postou em 09 jul 2016

To Longe de Casa

Blogueiro: Leonardo Lima
Cidade de Origem: Brasília, DF
Cidade/país onde reside atualmente: Dublin, Irlanda

Quando e por que você decidiu sair do Brasil?

SAM_1315

Foto: Arquivo pessoal

Como blogueiro de viagem, eu sempre gostei de viajar. Depois de rodar por quase toda a América do Sul, me veio o desejo de aprender inglês, pois sempre encontrava mochileiros gringos pelo caminho e a comunicação não era tão boa, eu precisava do inglês. Em 2014, esse desejo se juntou com um impulso e uma insatisfação pessoal que me deram um empurrão pra continuar.
Eu não tinha um puto no bolso, tudo que eu ganhava trabalhando em uma agência de publicidade (que não era lá essas coisas), o sonho de morar fora e aprender inglês (e ainda, de quebra, conhecer um bocado de países da Europa) consumiu. Então passei as passagens no cartão de crédito, larguei o emprego, a família e o amigos e parti pra Irlanda.

Como você foi parar no país em que reside agora?

É a primeira vez que estou morando fora. Já fiz algumas viagens longas, mas nada de criar raízes por muito tempo. Nunca foi um sonho vir especificamente para Dublin, na Irlanda. Para mim, qualquer lugar que não fosse no Brasil serviria. Cotei vários destinos, mas a Ilha Esmeralda foi a melhor em custo-benefício e é o lugar onde hoje eu amo viver.

Quais são as 3 coisas que você mais gosta em Dublin? Por que?

– Segurança: Não preciso nem dizer o por quê, né? A gente sabe que nem tudo aqui é perfeito, mas nem se compara a violência explícita que temos no Brasil hoje.
– Organização: Eu, pessoalmente, acho tudo muito mais organizado, pontual. As coisas funcionam melhor aqui. Só pelo fato de um ônibus (confortável, diga-se de passagem) passar no horário certo já me deixa feliz.
– O jeito “tô nem aí” das pessoas: Aqui as pessoas não ligam para o que você é, não estão nem aí para sua cor, religião, orientação sexual… não ligam se você vai ao centro de pijamas ou se usa calça azul com camisa verde, gravata amarela e cabelo roxo. Isso é o que eu mais gosto aqui.

Quais as 3 coisas que você menos gosta (ou mudaria)? Por que?

– Clima, Clima, Clima: Experimente passar umas 2 semanas sem luz do sol, só nublado, chovendo e ventando – tudo isso enquanto faz uns 2 graus.
– Limpeza: Sim, eu caí no conto de que a cidade era muito limpa, mas não é bem assim. Em determinados lugares, é um pouco suja sim, sem falar dos nossos amigos bêbados, que saem deixando lembranças nas esquinas, principalmente em dias de festas ou finais de semana.
– Preço da carne: Gente, parece besteira, mas é muito caro comprar carne aqui. Como pode? (risos)

O que você sente mais falta do Brasil?

Calor (e da comida da minha mãe).

Se você tivesse que sair hoje do Brasil, o que faria diferente?

Essa pergunta me fez pensar um pouco. Tentei achar uma resposta, mas no meu caso eu não faria nada de diferente. Tudo, apesar de muitos perrengues, tem sido incrível.

Qual foto sua melhor traduz a Irlanda?

DSCF5107

Foto: Arquivo pessoal

Qual a sua dica de ouro para quem está pensando em sair do Brasil?

Morar fora não é um passeio no parque, não é igual morar na cidade vizinha ou em um outro estado brasileiro. É preciso ter em mente que você estará em outro país, sozinho e, provavelmente, sem falar a língua nativa. Minha dica é assumir todos os riscos que virão com a mesma empolgação de quando você tomou a decisão de morar fora. Dessa forma você pode conseguir alcançar todos os seus objetivos. Morar fora é algo completamente louco, você vai rir, chorar, pensar na vida e descobrir que não é fácil mesmo. Se fosse, tinha muito mais gente nessa.

Sobre o blog:
Em seu blog, o viajante Leonardo Lima fala de uma das suas maiores paixões: viajar. Se você, assim como ele, curte desbravar cada cantinho do mundo, você está no lugar certo. O gosto pelas andanças começou em 2010, depois de uma viagem despretensiosa, mas que fez Leonardo perceber que existia um mundo muito além dos limites do DF. Foi a partir daí que viajar se tornou uma paixão, paixão essa que ele faz questão de compartilhar no Tô Longe de Casa.

Revisado por Tarcísio Junior
Encontrou algum erro ou quer nos comunicar uma informação?
Envie uma mensagem para [email protected]

Sobre o Autor


Este conteúdo - assim como as respectivas imagens, vídeos e áudios - é de responsabilidade do colaborador do E-Dublin e está sujeito a alterações sem aviso prévio. Quer ver sua matéria no E-Dublin ou ficou interessado em colaborar? Envie sua matéria por aqui!

Veja todos meus outros Posts

Orçamento Fácil

Preencha um formulário e receba orçamento de escolas e agências

Comece agora

E-Dublin: Tudo sobre Intercâmbio


Recentes e populares

Trabalho

Engravidou? Conheça seus direitos trabalhistas na Irlanda

1 semana atrás, por Elizabeth Gonçalves
Crônicas

Tombos e resistências de um intercâmbio 

1 semana atrás, por Colaborador E-Dublin
Trabalho

Uma menina de 20 a caminho de ser chef na Irlanda

2 semanas atrás, por Colaborador E-Dublin
Crônicas

Diga-me como te relacionas e eu te direi quem és 

2 semanas atrás, por Colaborador E-Dublin
Meu Intercâmbio

Existe hora certa para pedir demissão?

3 semanas atrás, por Andre Luis Cia