Este site usa cookies para melhorar a experiência do usuário. Ao utilizar o nosso site você concorda com todos os cookies de acordo com nossa Política de cookies/privacidade. Concordo
Ensino Superior

Brexit e oportunidades de emprego no Reino Unido

Deby Pimentel postou em 07 jul 2017

Brexit deve fechar as portas aos imigrantes. Crédito: Freepik

Brexit deve fechar as portas aos imigrantes. Crédito: Freepik

Já não é mais novidade o ‘fim do casamento’, como dizem alguns jornais mundo afora, do Reino Unido com a União Europeia. Como já publicamos aqui no E-Dublin, apesar da livre circulação entre a Irlanda e o Reino Unido ser mantida até o presente momento, sabe-se que, no geral, as portas serão fechadas aos imigrantes e ainda há muitos detalhes a serem esclarecidos sobre a questão, uma vez que o processo total de saída do bloco ainda deve durar alguns anos.

Segundo o que foi divulgado até agora, cidadãos da União Europeia estão garantidos, desde que passem pelo processo definido pelo governo para regularizar a sua permanência legal pós-Brexit. Para isso, europeus elegíveis terão que ser residentes na Grã-Bretanha por um período, antes de uma data a ser fixada pelo governo, e terão que comprovar um período de 5 anos contínuos morando no país.

Por enquanto, cidadãos da UE e brasileiros com dupla cidadania destes países podem manter a esperança como um facilitador para o trabalho formal por lá, do contrário, as condições para imigrantes demonstram ser complicadas.

Oxford oferece bolsas de estudos para brasileiros. Crédito Pixabay

Oxford oferece bolsas de estudos para brasileiros. Crédito: Pixabay

Vistos para trabalho no Reino Unido

Entre os tipos de vistos que envolvem as questões de trabalho para a Inglaterra, temos o visto para negócios, para pessoas em visitas curtas a trabalho; e os do tipo TIER. Investidores recebem o TIER 1 e devem comprovar investimentos de cerca de £1.000.000 (um milhão de libras) no Reino Unido. Para Empresários, o investimento cai para £200.000 para gerenciar o seu negócio. Há, ainda, o TIER 1 Talentos Excepcionais – aplicado no país de origem e um órgão credenciado irá avaliar e reconhecer internacionalmente a competência do candidato.

Aqueles que recebem uma proposta de trabalho, adquirem o TIER 2 e a empresa contratante deverá emitir uma declaração de patrocínio, a COS (Certificate of Sponsor), comprovando que não encontrou um candidato inglês ou outro residente europeu com as qualificações necessárias.

Já o TIER 5, é indicado para trabalhadores temporários (esportistas, religiosos, voluntários, entre outros) – e tem duração curta.

Para obter informações mais detalhadas sobre os tipos de visto de trabalho, seus deveres e obrigações, visite o site do governo britânico.

Vagas para estrangeiros

Segundo o governo, as profissões elegíveis são destinadas aos candidatos que dominam a língua inglesa, a parte técnica na área pretendida e as principais vagas estão em setores como hotelaria, turismo e gastronomia. As áreas de finanças, engenharias, marketing, publicidade e propaganda, comunicação, recursos humanos, TI, saúde, entre outras, também têm oportunidades.

No geral, o recrutamento requer a comprovação de especialista e devem seguir a pontuação de acordo com o Regulated Qualifications Framework (RQF), um órgão regulatório que descreve e regula em níveis de qualificações técnicas e de habilidades comportamentais das profissões. Este departamento também reúne os ‘conselhos’ profissionais de algumas áreas.

Gastronomia está entre as áreas promissoras para estrangeiros. Crédito Freepik

Gastronomia está entre as áreas promissoras para estrangeiros. Crédito: Freepik

Depois de conhecer o código de sua atuação entre as profissões elegíveis, consulte no site seu RQF.

Estudantes de ensino superior têm mais chances

Há vários programas de bolsas de estudo entre os governos do Brasil e do Reino Unido. As bolsas Chevening, cuja próxima seleção (para 2018/2018) deve começar em agosto, têm entre universidades participantes Cambridge, Oxford, Exeter, Durham, entre outras. O valor da bolsa é de 13 mil libras. A BBP University também oferece um programa com bolsas de mestrado e MBA para brasileiros e as inscrições vão até 15 de julho. O início está marcado para setembro de 2017.

Alguns sites indicados para os estudantes:

Para comparar dados das universidades: Unistats
Para buscar cursos: Search UCAS
Para dicas de carreira e cursos: National Career Service
Para buscar cursos de pós-graduação: Prospects UK

Encontrou algum erro ou quer nos comunicar uma informação?
Envie uma mensagem para [email protected]

Sobre o Autor


Jornalista com MBA em Marketing e Empreendedorismo, Débora Pimentel é uma paulistana apaixonada por fotografia, gastronomia e tecnologia. Uma virginiana que adora novas culturas e desafios. Acredita que a informação é sempre a melhor maneira de transformar sonhos em possibilidades.

Veja todos meus outros Posts

Orçamento Fácil

Preencha um formulário e receba orçamento de escolas e agências

Comece agora

E-Dublin: Tudo sobre Intercâmbio


Recentes e populares

E-Dublin TV

Coordenador de recrutamento na Irlanda

1 semana atrás, por Edu Giansante
Trabalho

Uma menina de 20 a caminho de ser chef na Irlanda

2 semanas atrás, por Colaborador E-Dublin
Trabalho

Vale investir na área de gastronomia na Irlanda?

3 semanas atrás, por Elizabeth Gonçalves
E-Dublin TV

Área de comercio exterior na Irlanda

3 semanas atrás, por Edu Giansante
Ensino Superior

A Irlanda não é só curso de inglês

3 semanas atrás, por Edu Giansante
Trabalho

Como passei de Kitchen Porter a Chef

3 semanas atrás, por Elizabeth Gonçalves
Destinos de Intercâmbio

Melhores universidades para estudar na Europa

3 semanas atrás, por Elizabeth Gonçalves
Trabalho

P60 e reembolso do imposto de renda na Irlanda

3 semanas atrás, por Elizabeth Gonçalves