Como fazer mamografia na Irlanda

Como fazer mamografia na Irlanda

Elizabeth Gonçalves

1 mês atrás

Siga o E-Dublin no Instagram

A mamografia é um exame essencial para identificar a existência de sinais precoces do câncer de mama. O exame consiste em uma radiografia dos seios, com a qual é possível identificar lesões antes mesmo que estas sejam palpáveis. Estima-se que a mamografia possa detectar mudanças nos seios até dois anos antes que essas mudanças sejam visíveis ao paciente ou médicos.

Na Irlanda, mulheres a partir dos 50 anos se tornam elegíveis a realizar o exame gratuitamente. Para isso, é necessário se registrar no programa Breast Check, online ou por telefone.

Irlanda disponibiliza mamografia gratuita para mulheres a partir dos 50 anos. Foto: Pixabay

Como o risco de câncer de mama aumenta com o tempo, todas as mulheres entre 50 e 67 anos residentes na Irlanda são convidadas a realizar o exame a cada dois anos. Após os 67 anos, as mulheres devem continuar alerta a qualquer sintoma da doença e, então, procurar atendimento médico.

Entretanto, mulheres que já tiveram câncer de mama ou que apresentam histórico genético da doença devem procurar orientação médica. Nesses casos, o profissional de saúde pode recomendar a realização da mamografia, até mesmo, antes dos 40 anos de idade e determinar a frequência com a qual o exame deve ser repetido.

A importância do autoexame

É importante que toda mulher realize o autoexame, pelo menos, uma vez por mês. Assim, é possível identificar de forma rápida caso ocorra alguma alteração nos seios.

Quanto mais cedo se observa uma mudança, melhor, porque, se o câncer é encontrado cedo, o tratamento tem mais chances de ser bem-sucedido.

É importante realizar o autoexame com frequência. Imagem: ACCG

Detectou algo diferente?

Ao realizar o autoexame, é necessário estar atenta a alguns dos sinais e sintomas de câncer de mama. Eles incluem:

– nódulo nos seios;

– inchaço de toda ou parte de uma mama (mesmo que não se sinta um nódulo);

– vermelhidão na pele;

– inversão do mamilo;

– sensação de nódulo aumentado na axila;

– espessamento ou retração da pele ou do mamilo;

– eliminação de secreção sanguinolenta ou serosa pelos mamilos;

– inchaço do braço;

– dor na mama ou mamilo.

Ao detectar alguma anormalidade nos seios, consulte um médico imediatamente. O seu clínico geral (chamado de GP  na Irlanda) vai examinar e, então, fazer o seu encaminhamento para o programa Breast Check, onde exames mais minuciosos serão realizados.

Prevenção do câncer de mama

As causas do câncer de mama ainda não são totalmente compreendidas. Assim, é difícil dizer por que uma mulher pode desenvolver câncer de mama e outra não.

Dieta balanceada e controle da obesidade pode prevenir surgimento da doença. Foto: Pxhere

Existem fatores de risco conhecidos por afetar sua probabilidade de desenvolver câncer de mama. Alguns desses, como genéticos, não podem ser alterados. Porém, alguns podem ser influenciados.

Um deles é o alcoolismo. Para se ter uma ideia, na Irlanda, o consumo de álcool é responsável por 1 a cada 8 casos da doença no país. Ou seja, o risco de desenvolver câncer de mama pode aumentar com o consumo de bebidas alcoólicas.

Dieta é outro fator que deve ser levado em consideração. Mulheres que estão na menopausa e sofrem com sobrepeso ou obesidade têm um risco maior de desenvolver câncer de mama.

Estudos também comprovam que mulheres que amamentaram são estatisticamente menos propensas a desenvolverem a doença.

Elizabeth Gonçalves
Elizabeth Gonçalves, Jornalista viciada em cinema, música e literatura. Paulistana, se apaixonou por Dublin, onde mora há cinco anos e sonha em fazer uma viagem de volta ao mundo.

Este artigo foi útil?

Você tem alguma sugestão para a gente?

Obrigado pelo feedback! 👋

O que ver em seguida

Cadastre-se em
nossa newsletter

Seu email foi cadastrado.

Cadastrar outro email

Comentários

🍪

Este site usa cookies para personalizar a sua experiência. Ao utilizar o E-Dublin você concorda com a nossa política de privacidade.

Aceitar e fechar