Como montar uma cover letter?

Como montar uma cover letter?

Rubinho Vitti

4 meses atrás

Siga o E-Dublin no Instagram

Muitas pessoas que estão em busca de um emprego na Irlanda se preocupam essencialmente com o currículo, o perfil no LinkedIn e aplicar para várias vagas disponíveis. Porém, um pilar importante para conseguir o emprego ideal muitas vezes fica de fora: a cover letter (ou carta de apresentação).

Se, no Brasil, esse texto que resume sua vida profissional em alguns parágrafos não é tão avaliado por empresas de RH ou recrutadores, na Europa é quase que uma obrigação (ou um diferencial importante). Criar uma boa cover letter e enviá-la junto ao currículo, como uma forma de fazer um direcionamento direto com a empresa onde você pretende trabalhar, pode ser a chave que faltava para conseguir uma entrevista.

O CEO do E-Dublin, Edu Giansante, que vive há mais de dez anos na ilha, explica como montar a cover letter ideal na hora de procurar um emprego na Irlanda.

Por que você é o candidato perfeito para a vaga?

“Cover letter put the fesh on the bare bones of the CV” (Cover letter coloca carne na estrutura óssea do seu CV).

A frase de efeito não diz nenhum exagero. Uma boa cover letter pode significar mais que o próprio currículo. “Ela vai contar quem você é como pessoa, além daquele monte de informação e dados que você tem que são um pouco mais funcionais”, explica Edu.

A primeira pergunta a se fazer quando começa a montar uma cover letter é: “por que eu?”. Ou seja, uma forma de “se vender” ao recrutador de forma convincente e que atraia a atenção. “A ideia é que seu CV não caia naquele monte de currículos que está chegando para todo mundo toda hora”, disse. Não fazer uma boa cover letter ao enviar um CV pode ser um erro.

Cover letter ajusta seu CV à área específica de trabalho

Recrutadores escolhem candidatos por meio de boas cover letters: diferencial. Foto: Everydayplus | Dreamstime.com

Para Edu, muitas vezes o CV está ajustado a uma área na qual você quer trabalhar, mas não está adequado para uma vaga em específico. Por exemplo, na área de marketing, existem diversos empregos diferentes, desde compra de mídia até gerente de equipe. “Então, é preciso pensar em como colocar termos corretos para aquele tipo de vaga que você está procurando”, explica Edu.

Ele cita, ainda, a área de tecnologia. “A pessoa quer gerenciar uma equipe de tecnologia, mas não quer necessariamente ser a pessoa que vai ficar lá programando. Essa é a hora de você colocar na sua cover letter a informação que mostra quem você é, por que você, o que você tem de diferencial, por que você tem que ser o cara a ser chamado para uma entrevista.”

Seus objetivos precisam estar alinhados com a empresa

Cover letter pode ajudar a direcionar o currículo para uma vaga pleiteada. Foto: Tero Vesalainen | Dreamstime.com

Edu salienta a importância em saber sobre os objetivos da empresa para onde o CV e a cover letter serão destinados. “Você vai se candidatar para uma vaga para uma empresa, precisa saber quais são os objetivos dela. Então, você cita os seus objetivos que têm proximidade com os da empresa, para mostrar que pode ajudar”, disse.

Entre os exemplos, está uma pessoa que já trabalhou na área de infraestrutura, de tecnologia. Essa pessoa está pleiteando uma vaga em uma empresa que está investindo em infraestrutura própria. O candidato tem experiência com a área de infraestrutura e pode colocar na cover letter esse diferencial, dizendo como pode colaborar nessa área.

Mostre que conhece detalhes da empresa

Conhecer detalhes da empresa é essencial para escrever uma boa cover letter. Foto: Sirinarth Mekvorawuth | Dreamstime.com

Estudar a empresa como um todo também é um motivo a mais para o recrutador se interessar pelo seu trabalho. “Você indiretamente mostra que já tem conhecimento sobre o que está sendo feito na empresa e que já se inseriu no contexto dela. Fica mais fácil para o recrutador entender que vai ser legal entrevistar esse cara ou essa menina”, disse.

Segundo Edu, não é só o básico de ler no Wikipedia que a empresa tem tantos funcionários, foi fundada em tal ano etc. “Pense em coisas que você avalie como interessantes, como um diferencial.”

Ele exemplifica um candidato que pleiteia uma vaga de uma empresa da Irlanda que está focada no mercado brasileiro. “Você vai falar: eu vim do Brasil, conheço o mercado brasileiro, conheço as áreas que funcionam ou não e eu acho que eu posso contribuir para o estabelecimento dessa empresa no Brasil. Esse é um diferencial incrível, porque poucos europeus têm uma experiência desse tipo.”

Outros pontos importantes de uma cover letter

Além de se apresentar, mostrar os objetivos principais, demonstrar que conhece a empresa e dar detalhes em como ajudá-la a se desenvolver, o candidato não pode esquecer que uma cover letter também precisa responder algumas perguntas que vão ajudar o recrutador a saber que ele é o ideal para ser contratado.

Lembrando sempre que uma cover letter não pode ultrapassar seis parágrafos (ou cerca de 200 palavras).

  • Quando você pode começar a trabalhar? Muitas vezes, o candidato está atualmente em um emprego e precisa dar o “notice” (aviso prévio), o que significa, em geral, 30 dias a mais de trabalho na empresa para poder se desligar.
  • Tem alguma viagem marcada? A cover letter pode trazer essa informação, se, por acaso, você tiver programado uma visita de um mês ao Brasil, por exemplo, ou for ficar fora da Irlanda por um período grande de tempo.
  • Tem visto de trabalho ou passaporte UE? O recrutador também precisa saber se você pode trabalhar legalmente na Europa, tendo passaporte da União Europeia ou visto de trabalho. Essa informação pode constar logo na cover letter ou, então, ser mencionada durante a entrevista de emprego. Mas deve ser informada para que, na hora da contratação, não haja nenhum problema sobre o assunto.

O E-Dublin disponibiliza um modelo de cover letter que pode ser usado e adaptado como desejar.

Rubinho Vitti
Rubinho Vitti, Jornalista de Piracicaba, SP, vive em Dublin desde outubro de 2017. Foi editor e repórter nas áreas de cultura e entretenimento. Também é músico, canceriano e apaixonado por arte e cultura pop.

Imagens via Dreamstime
Encontrou algum erro ou quer nos comunicar uma informação?
Envie uma mensagem para [email protected]

Este artigo foi útil?

Você tem alguma sugestão para a gente?

Obrigado pelo feedback! 👋

O que ver em seguida

Cadastre-se em
nossa newsletter

Seu email foi cadastrado.

Cadastrar outro email

Comentários

🍪

Este site usa cookies para personalizar a sua experiência. Ao utilizar o E-Dublin você concorda com a nossa política de privacidade.

Aceitar e fechar