Este site usa cookies para melhorar a experiência do usuário. Ao utilizar o nosso site você concorda com todos os cookies de acordo com nossa Política de cookies/privacidade. Concordo
Sua Carreira no Exterior

Como se especializar para o mercado de TI na Irlanda?

Colaborador E-Dublin postou em 03 ago 2016

Por Gilberto Santos

Percebo muitos estudantes de T.I aqui na Irlanda sem direcionamento na hora de se especializar. Na maioria do casos, isso ocorre porque, mesmo investindo em uma faculdade, ela dificilmente irá proporcionar a experiência necessária para lançar o candidato no mercado profissional.

Então, o que fazer? Como conciliar qualificação com as oportunidades profissionais no setor?

shutterstock_86227513

Crédito: Shutterstock

“Empregabilidade”. Pra ser bem honesto, eu não gosto desta palavra.  Mas ela está por aí, incomodando muita gente, inclusive algumas pessoas que estão no Brasil, uma vez que crise parece apresentar um futuro incerto – ou até mesmo por aqui, considerando os bravos guerreiros que não tem um olho azul e um passaporte vermelho.  Para quem já optou por ficar na Irlanda, a permissão de trabalho é um dos melhores e mais “fáceis” caminhos pra se seguir. Não são todas as áreas de conhecimento que carecem de profissionais na Irlanda, mas posso falar de uma área bem específica, que é Tecnologia da Informação (T.I). Aliás, essa área não carece somente na Irlanda, mas sim no mundo todo, porém aqui está em ascensão.

Em um futuro muito próximo, estima-se mais de 8 mil vagas abertas por aqui. Isso soa muito bem com a empregabilidade, alvo dos brasileiros que buscam o setor de T.I às vezes até sem vocação, visando aumentar as chances de residência. Por uma série de razões, procuram alternativas de formação com menor preço, por conseguinte, menor qualidade. Só que, na batalha do dia a dia, falta tempo para se dedicar mais aos estudos. Para quem consegue chegar ao final do curso, falta a experiência para conseguir passar em uma entrevista técnica.

shutterstock_139373177

Crédito: Shutterstock

O profissional requisitado hoje para preencher uma dessas vagas precisa ter alguns anos de experiência no currículo – no mínimo 2 anos. A informática se ramificou em várias opções de especialidade, dentre elas: Requisitos, Desenvolvimento, Implementação, Arquitetura, Banco de dados, Testes, DevOps, Infraestrutura, Cloud, Redes, Servidores e Big Data. Estas são só as áreas de conhecimento. Ainda nem falei das tecnologias e certificações extras, que fazem uma diferença no currículo.

E agora, onde está o conhecimento e a experiência necessária para dominar uma entrevista técnica? Não adianta eu simplesmente vir aqui roubar -lhe a esperança, sem dizer que há possibilidades de obter as habilidades necessárias que fazem a diferença no mercado de tecnologia da informação. Tenho orientado meus alunos que experiência é, basicamente, a tomada de uma decisão baseada em uma gama de conhecimento, ou seja, estudar também é adquirir experiência.  Acredito que o caminho mais curto para adquirir essa experiência exigida, é o graduando e/ou o recém formado tentar entregar algum produto para o seu cliente.  E aqui estão algumas dicas para que você possa conseguir:

1 – Estude pela internet

Existe uma infinidade de aulas na internet.  A informação hoje está muito mais acessível do que há 15 anos, quando eu comecei.  Mas, cuidado, existem tantos tipos de informação que você pode se perder, tente adotar somente uma didática. Eu penso que para aprender um determinado assunto, você só vai precisar de uma única aula boa. A informática tem muitas ramificações, várias formas de aprender e cada professor possui uma didática diferente. Para você aprender, é muito importante que siga a mesma linha de raciocínio, um mesmo método, até o fim.

2 – Desenvolva um produto

shutterstock_156863096

Crédito: Shutterstock

O problema pode ser que você tenha um pouco de dificuldade de aprender online. Junte os amigos, desenvolva algum produto gratuito, mesmo que seja muito simples (uma aplicação Android, IOS ou, quem sabe, os 2 de forma híbrida) e entregue ele para seus usuários. Então receba o feedback e faça novas versões. Você vai encarar situações muito comuns no dia a dia de uma empresa de desenvolvimento de software, seja ela gigante ou uma startup. Não tem uma ideia nem para um pequeno projeto? Sem problemas. Que tal encarar um OpenSource no Github?

Nota do autor: 

Precisamos lembrar que a Universidade é uma instituição focada em gerar conhecimento e não experiência profissional. Já a internet é apenas uma ferramenta, logo, estudar e aprender é por sua conta. Não existe teste mais eficaz para verificar o seu conhecimento do que colocá-lo em prática e fazer uma auto avaliação… você contrataria a si mesmo? Se a resposta for sim, você está pronto.

bolinhaGilberto Santos é engenheiro de software, escritor, professor, teimoso e músico. Nasceu descobridor quando percebeu que não gostava dos seus brinquedos por inteiro e sim em saber como eles funcionavam. Trabalha há muitos anos na área de tecnologia da informação, chegando a liderar grandes equipes. Como professor instruiu novos pensadores em sala de aula. Mantém um imprevisível ciclo de sono, com alternadas doses de cafeína. Hoje vive e trabalha na Irlanda, onde decidiu ficar e mudar sua própria cultura. Para conhecê-lo mais de perto você pode acompanhá-lo em: gilbertosantos.com

Revisado por Tarcísio Junior
Imagens via Shutterstock
Encontrou algum erro ou quer nos comunicar uma informação?
Envie uma mensagem para [email protected]

Sobre o Autor


Este conteúdo - assim como as respectivas imagens, vídeos e áudios - é de responsabilidade do colaborador do E-Dublin e está sujeito a alterações sem aviso prévio. Quer ver sua matéria no E-Dublin ou ficou interessado em colaborar? Envie sua matéria por aqui!

Veja todos meus outros Posts

Orçamento Fácil

Preencha um formulário e receba orçamento de escolas e agências

Comece agora

E-Dublin: Tudo sobre Intercâmbio

Recentes e populares

Ensino Superior

A Irlanda também oferece cursos de teatro

2 semanas atrás, por Deby Pimentel
Mercado

Irlanda têm vagas para biotécnicos e químicos

3 semanas atrás, por Deby Pimentel
E-Dublin TV

Empreendendo no exterior

4 semanas atrás, por Edu Giansante
E-Dublin TV

Visto de trabalho na Irlanda – Hevialand#7

1 mês atrás, por Tarcisio Junior
E-Dublin TV

Como escrever e-mails efetivos

1 mês atrás, por Edu Giansante
E-Dublin TV

Trabalho de chef de cozinha na Irlanda

1 mês atrás, por Edu Giansante
Trabalho

Quais setores mais contratam no verão irlandês?

2 meses atrás, por Elizabeth Gonçalves
E-Dublin TV

Como um intercâmbio pode mudar sua carreira

2 meses atrás, por Edu Giansante