Conheça os tipos de visto de estudante no Canadá

Conheça os tipos de visto de estudante no Canadá

Ávany França

6 meses atrás

Siga o E-Dublin no Instagram

Bem vindos ao Canadá

População:  37 milhões

Moeda: Dólar Canadense

Capital: Ottawa

Línguas: Inglês e Francês

No país número um na preferência dos  brasileiros toma-se café ralinho e educação é pré-requisito básico. Buzinar no trânsito? Só mesmo em momentos extremos e sim, por aqui pedestre é prioridade!

© Juliana Lucas De Sousa | Dreamstime.com

Cerca de 30 mil brasileiros moram no Canadá atualmnete.© Juliana Lucas De Sousa | Dreamstime.com

O DIY  – Do it yourself (faça você mesmo) é uma realidade e isso vale mesmo na hora de usar os caixas rápidos dos supermercados ou de abastecer o carro. As crianças comem legumes crus sem fazer cara feia e aprendem muito cedo que palavras como thanks, excuse me and sorry são imprescindíveis na vida cotidiana.

Essas são apenas algumas das peculiaridades do país que atraiu cerca de 30 mil brasileiros em 2018. Entre os destinos mais procurados por brasileiros estão Vancouver, Toronto e Montreal. E engana-se quem pensa que a capital canadense faz parte dessa lista. Ottawa, localizada bem ao lado leste da província de Ontário, possui a quarta maior população do país e também o título de capital canadense. Nessa parte do mapa o idioma predominante é o francês, porém, assim como em todo o Canadá, o inglês também faz parte do cotidiano.

E se você não faz ideia o porque do sucesso do país entre estudantes e profissionais de todo o mundo, vamos a uma listinha básica:  segurança, qualidade educacional e hospitalidade.  Toronto, por exemplo, entrou no ranking das Top 10 cidades em qualidade de vida.

É também na direção do Canadá que a promessa de receber imigrantes qualificados se faz presente em muitas matérias ligadas a vida no exterior. O programa skilled worker(trabalhadores qualificados), anunciado pelo governo nos últimos anos atualmente está suspenso, mas segundo as autoridades canadenses, apenas para reestruturação, e para suprir o alto número de aplicações em curso. É nele que muitos profissionais brasileiros veem uma chance de ingressar em um dos mercados mais promissores da atualidade.

Em Quebec, região onde predomina-se o idioma francês, o governo anunciou que vai precisar para os próximos 10 anos, mais de 1,3 milhão de empregos em vários setores, dos quais mais de 20% serão preenchidos por trabalhadores de origem imigrante.

Tipos de vistos

© Popartic | Dreamstime.com

É importante conhecer os requisitos para o visto de estudante no Canadá. © Popartic | Dreamstime.com

Os critérios para se estudar no Canadá não diferem muito de outros países, mas dependendo do visto você precisa fazer umas continhas e atingir a pontuação exigida pelo governo canadense. Essa conta inclui uma série de detalhes, como comprovação de recursos próprios para se manter no país, nível do idioma, experiência profissional, etc.

Para aqueles que estão decidindo desembarcar em uma das províncias canadenses para aprimorar ou aprender um novo idioma, saiba que você não está sozinho, cerca de 40% das solicitações de vistos que são encaminhadas para a Embaixada do Canadá  em São Paulo, são para cursos de idiomasGraduação e especialização aparecem logo na sequência, com 26% e 11%, segundo dados do Centro de Educação Canadense.

Atualmente o governo canadense possui um sistema simplificado para solicitação de vistos chamado Visa Application Centre (VAC), . Aconselha-se solicitar o visto com pelo menos dois meses de antecedência da viagem, já que o tempo de processamento pode demorar um pouco. Mas o VAC surgiu justamente para minimizar a demora e dar suporte aos candidatos a vistos.

© Bernhard Richter | Dreamstime.com

Comprovação financeira é fundamental para o visto no Canadá. © Bernhard Richter | Dreamstime.com

Para estudantes que pretendem ficar menos de seis meses, o visto de turista é suficiente (porém também precisa ser solicitado no Brasil). Excedendo esse período (seis meses) é necessário aplicar para o Study Permit. Entre os documentos necessários para a aplicação estão:

-Carta de aceitação da escola;

– Passaporte válido pelo tempo de estudos. Para quem tiver passaportes anteriores pede-se incluir;

– Prova de recursos próprios: últimos três holerites, extratos bancários, último imposto de renda, etc. O valor equivalente a um ano de curso, sem o valor da escola é de $18 mil (R$50.976)

– Duas fotos 3×5

– Demonstrar vínculos com o Brasil, o que pode ser carta de vínculo empregatício, carta da universidade indicando que você  trancará por um período, etc;

– Comprovação de bom estado de saúde.

Para entender melhor o processo para vistos de estudante clique aqui.

Para quem aplicar para o programa para profissionais qualificados, precisará antes fazer algumas continhas, já que o sistema de admissão acontece por pontuação, com nota de corte sendo 67, onde se avalia:

– Proficiência de Língua

– Idade

– Experiência de Trabalho no Exterior

– Avaliação de Créditos Estrangeiros

– Ofertas de Emprego

– Adaptabilidade

Vale ressaltar que estudantes brasileiros não possuem permissão de trabalho no Canadá, como acontece na Irlanda (20h semanais / 40h nas férias). Existem algumas possibilidades de colocação na instituição de ensino onde você estudará, ou mesmo programas que incluem estágios voluntários ou trabalho não remunerados, mas para isso se faz necessário aplicar para uma permissão de trabalho especifica. Veja aqui como fazer.

Consulados geral do Canadá do Brasil

SAO PAULO – Av. das Nações Unidas, 12901 – 16º andar, Torre Norte
04578-000 – São Paulo, SP – Brasil Vistos e imigração/ (55 11) 5509-4343
E-mail: [email protected]

RIO DE JANEIRO – Av. Atlântica, 1130 – 5º andar Atlântica Business Center

Copacabana 22021-000 Rio de Janeiro – RJ Telefone: (55 21) 2543-3004 Fax: (55 21) 2275-2195

E-mail: [email protected]

Aproveite e peça agora orçamento para nossos parceiros sobre os diversos destinos de interesse.

Avatar
Ávany França, Jornalista por profissão, já passou por editorias de moda, gastronomia, história e turismo. Uma vida sem desafios não foi desenhada para essa baiana de Salvador. Amante das viagens, coleciona mais de 80 destinos no passaporte. Quer saber mais? Corre porque até você terminar de ler esse perfil já terei alguma novidade.

Este artigo foi útil?

Você tem alguma sugestão para a gente?

Obrigado pelo feedback! 👋

O que ver em seguida

Cadastre-se em
nossa newsletter

Seu email foi cadastrado.

Cadastrar outro email

Comentários

🍪

Este site usa cookies para personalizar a sua experiência. Ao utilizar o E-Dublin você concorda com a nossa política de privacidade.

Aceitar e fechar