Conte Sua História – Cidadão Europeu na imigração e no avião

Conte Sua História – Cidadão Europeu na imigração e no avião

Edu Giansante

9 meses atrás

Siga o E-Dublin no Instagram

Muita gente que quer fazer seu intercâmbio, para a Irlanda ou outro lugar da Europa ou no mundo, fica preocupado de como será imigração, mesmo quando se é cidadão Europeu. Para ajudar-los, mais uma história contata no nosso Grupo de Discussão por E-Mail, contado pelo Gabriel C. , para o E-Dublin.

© Matteo Ceruti | Dreamstime.com

Rumo ao intercâmbio na Europa© Matteo Ceruti | Dreamstime.com

Chegamos dia 20. A viagem foi bem tranquila, um pouco cansativa porque saímos de Natal a sete e pouco da manhã, passamos umas três horas viajando para São Paulo, depois ficamos para aeroporto de Guarulhos até às sete e pouco da noite quando embarcamos para Amsterdã (o trecho mais cansativo – avião lotado). Depois esperamos cerca de uma hora em Amsterdã e ai foi sossegado… chegamos em Dublin.  O último trecho nem lembro de nada porque dormi quase todo.

No geral não tivemos grandes problemas. Em SP, por exemplo, no guinche da KLM quando fomos  despachar as malas, mostrar passaporte e tal uma das atendentes frescou e quis ver todos os documentos (carta da escola e etc) de um dos meus amigos – o que não cabia a ela. Tipo ela deu uma de imigração da Irlanda. Mas como não queríamos qualquer confusão, o meu amigo mostrou de boa.

Chegando em Amsterdã vários policiais recepcionaram a todos do voo junto com um cão farejador. Mas tudo tranquilo. Mais uma vez dos três, um de nós teve que mostrar os documentos mais foi bem sossegado. O cara foi até simpático segundo o meu amigo que passou por isso.

© Daniel127001 | Dreamstime.com

Aeroporto de Amsterdã na holanda é gigantesco.© Daniel127001 | Dreamstime.com

O aeroporto de Amsterdã é muito grande. Só para se ter uma ideia, o portão que a gente ia embarcar na conexão era o D24 e esse número ia do um ao 50 e pouco. Isso o D… e ia até o H (salvo engano). Lembrando que é a área internacional.

Enfim, continuando, chegando na Irlanda, a imigração foi show de bola. Eu particularmente não tive problemas porque tenho dupla cidadania (uma delas italiana) então entrei numa fila para europeus e só fiz mostrar meu passaporte italiano. Nem carimbado ele foi.

Os meus amigos não tiveram problema algum. Apenas de um deles, pediram a confirmação do quanto ele tinha em grana. Fizeram poucas perguntas, tiraram a foto, carimbaram o passaporte e pronto , bem vindo à Dublin.

Graças a Deus não tivemos problema com as malas. Do jeito que saíram de SP, chegaram em Dublin. Não frescaram também com nossa bagagem de mão, que eu a considero até grande. É uma daquelas mochilas de 32L  a 42L expansível. Eu tinha alguns frascos com líquido nela e como não passavam de 100ml ninguém falou nada.

© Jordan Tan | Dreamstime.com

A imigração de Dublin é super tranquila, mas é bom ter em mãos toda documentação exigida.© Jordan Tan | Dreamstime.com

Acho que tivemos sorte quando chegamos em Dublin. Não estava frio… Por volta de 23 graus…. No primeiro dia nem usamos agasalhos e nem pegamos chuva. Na realidade começou a chover no terceiro dia e consequentemente a temperatura a cair. Mas tranquilo…. tá dando pra aguentar muito bem. Tenho até saído bastante de chinelo, porque nos dois primeiros dias andei bastante (media de 10 a 12 km) por dia e ai fez um calo….

To gostando muito. A galera da SEDA é muito gente boa. O Carlos, o Thiago, o Fernando… E só sobre a escola… percebi que na imigração eles tem uma noção das escolas no sentido de saber quem traz alunos por trazer… que não controlam frequência e as pessoas vem só para ter visto de trabalho e quem traz de forma séria e é uma escola séria. Nesse sentido senti a SEDA bem conceituada.

© Monkey Business Images | Dreamstime.com

A galera do curso é super gente boa.© Monkey Business Images | Dreamstime.com

Qualquer duvida falem aí….. meu tempo tá curto e vou indo agora.

PS: Realmente roupa é bem barato aqui.
PS: A comida é um pouco apimentada. Como eu não gosto de pimenta to me acostumando ainda.

Abraços!
Gabriel C.

Ah, só uma coisa….

Agora é só aguardar o próximo e-dublincontro. De preferencia no PUB que na terça a Pint é 5,50 euros.

Vamos ver se rola logo.

Abraços!

 

Edu Giansante
Edu Giansante, Fundador e CEO do E-Dublin, Edu chegou na Irlanda em 2008, no ano pré-crise, pegou a nevasca de 2010 e comeu cérebro de cabra em Marrakesh. O Edu também é baterista da banda Irlandesa Medz.

Este artigo foi útil?

Você tem alguma sugestão para a gente?

Obrigado pelo feedback! 👋

O que ver em seguida

  • Qual a melhor época para visitar a Europa?

    Clima

    Qual a melhor época para visitar a Europa?

    A Europa é o destino de muitos brasileiros — seja para quem for fazer um...

    Colaborador E-Dublin

    3 semanas atrás

    Qual a melhor época para visitar a Europa?
  • 5 destinos para curtir praia e calor na Europa

    Destinos pela Europa

    5 destinos para curtir praia e calor na Europa

    O verão finalmente começou a aparecer na Irlanda, mas quem mora por aqui sabe...

    Elizabeth Gonçalves

    3 meses atrás

    5 destinos para curtir praia e calor na Europa

Cadastre-se em
nossa newsletter

Seu email foi cadastrado.

Cadastrar outro email

Comentários

🍪

Este site usa cookies para personalizar a sua experiência. Ao utilizar o E-Dublin você concorda com a nossa política de privacidade.

Aceitar e fechar