Coronavírus: Irlanda registra auxílio a mais de 850 mil pessoas

Coronavírus: Irlanda registra auxílio a mais de 850 mil pessoas

Rubinho Vitti

2 meses atrás

Seguro Viagem

Sabia que é obrigatório ter um seguro viagem para ir pra Europa?

Com as medidas de distanciamento e o “lockdown” imposto pelo governo irlandês há quase três semanas, tem aumentado o número de pessoas desempregadas na Irlanda que começaram a receber o auxílio do governo. São 730 mil que recebem o benefício, além de 130 mil que estão ainda trabalhando, mas com o governo ajudando as empresas e pagando até 70% do salário.

Os números mostram que centenas de milhares de pessoas estão recebendo o novo subsídio de desemprego pandêmico Covid-19, bem como aqueles que estão registrados para o esquema de subsídio salarial.

De acordo com o vice-primeiro-ministro Simon Coveney, em reportagem publicada pelo The Journal, a Irlanda será um lugar diferente após a crise. “O papel da comunidade será diferente, o papel do Estado em termos de relacionamento com o setor privado será diferente. Nunca enfrentamos algo assim como um país antes, então não será fácil.”

Leia também: Polícia irlandesa ganha poder para impor restrições do lockdown

Coveney disse que é preciso encontrar uma maneira de reconstruir a economia “de uma maneira que não isole pessoas ou pessoas desfavorecidas por causa de suas circunstâncias”. “O Estado precisará emprestar muito dinheiro e sofrer déficits significativos por um período de tempo.”

O vice-primeiro-ministro ressaltou ainda que o governo está ajudando cerca de 4.600 cidadãos irlandeses a voltar para casa. O departamento prestou assistência a pouco menos de 500 cidadãos irlandeses em voos de resgate organizados por outros Estados-Membros da UE ou pelo Reino Unido. !Continuaremos a trabalhar com irlandeses em todo o mundo.”

Veja também

Tudo sobre o sistema de saúde na Irlanda

Rubinho Vitti
Rubinho Vitti, Jornalista de Piracicaba, SP, vive em Dublin desde outubro de 2017. Foi editor e repórter nas áreas de cultura e entretenimento. Também é músico, canceriano e apaixonado por arte e cultura pop.

Este artigo foi útil?

Você tem alguma sugestão para a gente?

Obrigado pelo feedback! 👋

O que ver em seguida

Cadastre-se em
nossa newsletter

Seu email foi cadastrado.

Cadastrar outro email

Comentários

🍪

Este site usa cookies para personalizar a sua experiência. Ao utilizar o E-Dublin você concorda com a nossa política de privacidade.

Aceitar e fechar