Gastronomia da Irlanda está no ‘cardápio’ do E-Dublin XP Online

Gastronomia da Irlanda está no ‘cardápio’ do E-Dublin XP Online

Rubinho Vitti

6 meses atrás

Seguro Viagem

Sabia que é obrigatório ter um seguro viagem para ir pra Europa?

Imergir em um país é ir além da língua. O intercâmbio na Irlanda permite aprender inglês, mas também entender como funcionam todas as esferas culturais, históricas e, por que não, gastronômicas. Por isso mesmo, o E-Dublin XP — Seu Intercâmbio de Casa! acrescentou um tema mais que importante, e necessário, dentro de sua programação: a gastronomia.

São, pelo menos, três temas em que a gastronomia está inserida, entre as cerca de 30 palestras gravadas em vídeo e disponíveis na plataforma do XP Online. Qualquer um que fizer uma doação para famílias impactadas pelo Covid-19 — por meio da OSC Transforma Brasil — pode ter acesso (saiba mais abaixo).

A tradicional culinária irlandesa

Irish Stew é um dos pratos mais tradicionais na Irlanda, também conhecido como Guinness Stew, por levar a bebida na receita. Foto: Pixabay

Diversificada, mas não muito conhecida pelo mundo, a culinária irlandesa tem charme, elegância e sabor. O Irish Stew, também conhecido por Guinness Stew, é um dos clássicos presentes na mesa dos irlandeses. Ele é um cozido tradicional preparado com carne, legumes e, é claro, Guinness!

Os tradicionais fish and chips, que também são famosos lá na Inglaterra, estão presentes na maioria dos restaurantes pela Irlanda. Outra tradição é o Irish Breakfast.

A chef Gráinne O’Keefe, responsável pelo restaurante Clanbrassil House, em Dublin, está no XP Online falando sobre da culinária irlandesa. Gráinne assina, ainda, como diretora culinária do Bujo Burger Joint e Food and Wine Ireland.

Irlanda, o país dos bons restaurantes

A Irlanda conta com mais de 3.500 restaurantes, vários deles presentes no Guia Michelin, o mais importante do mundo. Foto: Pxhere

Com mais de 3.500 restaurantes, o setor gastronômico na Irlanda é considerado primordial para a economia. São cerca de 72.000 pessoas empregadas na área, responsável por injetar € 2 bilhões na economia do país.

Quem gosta de gastronomia e sempre procura bons restaurantes busca o melhor no Guia Michelin, principal guia gastronômico do mundo. Em 2020, a Irlanda e Irlanda do Norte têm, juntas, 21 restaurantes aprovados com estrelas Michelin.

No XP Online, quem desvenda “Os Segredos de um Restaurante Michelin na Irlanda” é a Hannah Mathe. Ela é chef de cozinha, especialista em culinária vegana à base de plantas, e confeiteira. Ela publica no seu Instagram várias de suas criações e inspirações.

Vida saudável na Irlanda

Dublin é conhecida como a capital da gastronomia vegana, por ter 21% dos restaurantes com opção para quem segue a dieta. Foto: Pxhere

Você sabia que Dublin é considerada a “capital vegana do mundo”? Uma pesquisa realizada pela Hayes & Jarvis, empresa especializada em turismo de luxo, mostrou que a capital irlandesa é a cidade mais “vegan friendly” de todo o planeta, tendo 21% de seus restaurantes com opções veganas.

Entre as opções na Irlanda está a Happy Pear, uma das redes mais promissoras de comida vegana na ilha. Os gêmeos Dave e Steve estão no comando dessa empreitada gastronômica e, em 15 anos, abriram quatro cafés, criaram uma fazenda, uma gama de produtos, cursos online, livros de receitas e empregam mais de 100 funcionários que atendem anualmente mais de 1 milhão de pessoas na Irlanda.

Dave e Steve são responsáveis pela palestra “Encontrando a Felicidade em uma Vida Saudável”, que está disponível no E-Dublin XP Online. Eles viajaram para vários lugares para entender o que era importante em cada região, valorizando os produtores locais.

Como participar do E-Dublin XP Online

O E-Dublin transformou a experiência do XP para uma versão virtual: o E-Dublin XP — Seu Intercâmbio de Casa! As inscrições já estão abertas para participar dessa nova plataforma online, que, além de tudo, é totalmente beneficente. Todo o valor arrecadado será revertido para a associação Transforma Brasil. Acesse o site oficial e descubra como doar.

Veja também

É possível fazer intercâmbio com criança na Irlanda?

Rubinho Vitti
Rubinho Vitti, Jornalista de Piracicaba, SP, vive em Dublin desde outubro de 2017. Foi editor e repórter nas áreas de cultura e entretenimento. Também é músico, canceriano e apaixonado por arte e cultura pop.

Este artigo foi útil?

Você tem alguma sugestão para a gente?

Obrigado pelo feedback! 👋

O que ver em seguida

Cadastre-se em
nossa newsletter

Seu email foi cadastrado.

Cadastrar outro email

Comentários

🍪

Este site usa cookies para personalizar a sua experiência. Ao utilizar o E-Dublin você concorda com a nossa política de privacidade.

Aceitar e fechar