Este site usa cookies para melhorar a experiência do usuário. Ao utilizar o nosso site você concorda com todos os cookies de acordo com nossa Política de cookies/privacidade. Concordo
Economia

Entenda os impostos que pagamos na Irlanda

Elizabeth Gonçalves postou em 22 jan 2017

Você já se questionou o que são todas aquelas siglas de impostos descritas no seu holerite toda vez que recebe o seu salário aqui na Irlanda?

Como essas siglas muitas vezes dão um nó na nossa cabeça, no post de hoje vamos tentar esclarecer um pouco esse tema. Portanto, confira o significado dos principais impostos que pagamos como trabalhadores devidamente registrados.

Contas

Reprodução: Escritório Confins

Income Tax

O principal imposto que pagamos mensalmente é o Income Tax. De acordo com o Revenue, agência do governo irlandês responsável pela taxação dos impostos e equivalente à nossa Receita Federal, o Income Tax é o imposto sobre rendimento, ou seja, toda a renda que obtemos no país está sujeita a ele.

Esse imposto é deduzido automaticamente do seu salário pelo seu empregador e o montante que você vai pagar depende do total da sua renda. O valor padrão desse imposto é de 20%.

Emergency Tax

Esse imposto pode se tornar uma surpresa desagradável para muita gente, quando 41% do salário pode ser descontado na folha de pagamento.

Para evitar cair no imposto de emergência, ao conseguir o seu primeiro emprego forneça imediatamente o número de PPS ao seu empregador.  Com isso ele poderá te registrar junto ao Revenue.

De acordo com o portal do Citzens Information, outra medida eficiente para evitar pagar esse imposto é se dirigir ao posto do Revenue da sua cidade assim que você aceitar uma oferta de trabalho e preencher o formulário 12.

Então vem a dúvida: Estou pagando imposto de emergência, o que fazer? Para reverter essa situação, basta entrar em contato com o Revenue e informar os detalhes que lhe serão solicitados. Feito isso, você terá o reembolso do imposto descontado no seu próximo salário.

PRSI

Essa é a sigla para Pay-Related Social Insurance. Como descrito no nome, o montante arrecadado com esse imposto é direcionado ao Fundo de Segurança Social, nos permitindo acesso aos serviços públicos do país. Assim como o Income Tax, esse imposto também é descontado de acordo com o seu salário.

USC

A Universal Social Charge (Taxa Social Universal) é cobrada sobre o seu rendimento bruto.

De acordo com o Revenue, pessoas que possuem uma renda bruta anual maior do que 12.012 euros devem pagar esse imposto, cuja taxa custa a partir de 1,5% do salário. Assim, todos os empregados registrados têm essa taxa descontada uniformemente ao longo do ano – entretanto, o valor correto é deduzido apenas no encerramento do ano.

VAT (Value Added Tax)

Nota fiscal

Reprodução: Economia UOL

O VAT não é um imposto ligado ao trabalho, porém, como ele está ligado a tudo o que consumimos no país, vale mencioná-lo aqui.

Esse imposto é cobrado em cada compra que efetuamos na Irlanda – de remédios a roupas, comida, cosméticos etc. A taxa máxima do VAT é de 23% e o valor é descrito na nota fiscal dos produtos e serviços que adquirimos, basta conferir lá.

Se você estiver à passeio na Irlanda, pode pedir o reembolso do VAT sobre tudo que comprar via cartão de crédito. Para fazer isso, solicite o Tax Free Form na hora do pagamento. Quando for deixar o país, coloque tudo no envelope e deposite na urna que fica localizada no aeroporto.

Links importantes

Impostos trabalhistas na Irlanda: 12a, P45 e P60
Revenue
Citzens Information

Encontrou algum erro ou quer nos comunicar uma informação?
Envie uma mensagem para [email protected]

Sobre o Autor


Elizabeth Gonçalves é jornalista viciada em cinema, música e literatura. Paulistana, se apaixonou por Dublin, onde mora há mais de um ano e sonha em fazer uma viagem de volta ao mundo.

Veja todos meus outros Posts

Orçamento Fácil

Preencha um formulário e receba orçamento de escolas e agências

Comece agora

E-Dublin: Tudo sobre Intercâmbio


Recentes e populares

E-Dublin TV

Coordenador de recrutamento na Irlanda

6 dias atrás, por Edu Giansante
Trabalho

Engravidou? Conheça seus direitos trabalhistas na Irlanda

1 semana atrás, por Elizabeth Gonçalves
Trabalho

Uma menina de 20 a caminho de ser chef na Irlanda

2 semanas atrás, por Colaborador E-Dublin
E-Dublin TV

Área de comercio exterior na Irlanda

3 semanas atrás, por Edu Giansante
Trabalho

Como passei de Kitchen Porter a Chef

3 semanas atrás, por Elizabeth Gonçalves