Faculdade de medicina na Irlanda: tudo o que você precisa saber

Faculdade de medicina na Irlanda: tudo o que você precisa saber

Karina Moura

3 semanas atrás

Seguro Viagem

Sabia que é obrigatório ter um seguro viagem para ir pra Europa?

Pensando em entrar para uma faculdade de medicina na Irlanda? Sabemos que muitos brasileiros têm o sonho de entrar em uma universidade no exterior, mas o que poucos sabem é que, na Ilha, o processo seletivo é um pouquinho diferente do Brasil.

Por lá, não existe vestibular, o candidato precisará preencher os pré-requisitos da instituição e fazer um teste específico para entrar em um curso de medicina no país.

Na Irlanda, existem seis escolas médicas que oferecem entrada para graduação, exceto a Universidade de Limerick, que atende especificamente candidatos de pós-graduação. Assim como no Brasil, estudar medicina na Irlanda é caro e pode chegar até 45 mil euros por ano dependendo da instituição de ensino.

O processo é longo, um pouco complicado e envolve algumas etapas para aplicação. Os candidatos podem se inscrever em programas de cinco e seis anos, e o tempo de duração do curso dependerá do seu nível atual de educação.

Segundo o site The Irish Times, a Irlanda forma mais médicos do que qualquer outro país em relação à sua população. São 24,9 graduados em medicina por 100 mil habitantes, bem acima do próximo país, a Dinamarca, e quase o dobro da média internacional de 13,1, de acordo com o relatório Health at a Glance 2018 da OCDE — Organização para a Cooperação e Desenvolvimento Econômico.

Hoje, o país tem cerca de 86 hospitais e compensa sua falta de profissionais importando médicos treinados de outros países. Parece loucura, não? Porém, é verdade! O país que mais forma médicos na Europa não consegue suprir a sua própria demanda na área da saúde.

O E-Dublin preparou um passo a passo para explicar como entrar em uma faculdade de medicina na Irlanda. Confira a seguir!

Leia também: Faculdade na Irlanda: cursos, universidades e processos seletivos

Como entrar em uma faculdade de medicina na Irlanda?

Processo para entrar em uma faculdade de medicina na Irlanda pode ser mais complicado do que para outros cursos. Foto: Piron Guillaume/Unsplash

Diferentemente dos outros cursos, o candidato que deseja entrar para a faculdade de medicina na Irlanda precisa se inscrever em programas de cinco e seis anos. Mas lembra que mencionamos ser mais complicado?

A primeira forma de aplicação é quando o estudante termina o ensino médio no país; a segunda, quando o candidato já tem um diploma de graduação e deseja se inscrever para uma das escolas de medicina.

Faculdade de medicina de seis anos

  1. Projetado para candidatos que entram diretamente do ensino médio e cursaram biologia, química e física ou matemática.
  2. Para os candidatos que atualmente estão cursando uma faculdade, mas não terão um diploma de graduação antes do mês de setembro (condição anual).
  3. Se o estudante estiver nesta categoria, ele também pode ser elegível para um programa de cinco anos, no qual o Comitê de Admissão determinará qual o programa mais adequado para o candidato com base em sua formação acadêmica.

Faculdade de medicina de cinco anos

  1. Diretamente do ensino médio com matérias específicas e pontuações nos exames International Baccalaureate (IB), incluindo química no nível superior, ou com exames AP em biologia, química e física ou matemática.
  2. Os candidatos que completaram um ou mais anos de faculdade geralmente são considerados para o programa de 5 anos.(*) Apenas para exames IB: os candidatos devem realizar todos os seis testes em uma única sessão.

Como faço para me inscrever em uma faculdade de medicina na Irlanda?

Assim como outros cursos, a faculdade de medicina na Irlanda custa mais para candidatos estrangeiros. Foto: H Shaw/Unsplash

Existe uma diferença para aplicação do candidato cidadão europeu e do não europeu. Inclusive, essa condição impacta diretamente o seu bolso!

O valor do curso anual para quem é cidadão europeu é bem mais em conta. A boa notícia é que, se você estiver trabalhando no país por, pelo menos, três anos, já garante o direito de pagar o curso na mesma condição do cidadão europeu nas grandes universidades.

Sabendo dessa diferença, seu status é determinado no ato da sua inscrição e não pode ser alterado após o registro do primeiro ano. O cidadão europeu faz sua inscrição on-line direto no Central Applications Office (CAO) e paga uma taxa de, aproximadamente, 40 euros para aplicação.

Na sua inscrição para o CAO, o candidato envia seus dados pessoais, escola e exames realizados e, em seguida, seleciona as faculdades nas quais deseja se inscrever.

Requisitos acadêmicos e exames de admissão

Todas as instituições irlandesas exigem que os candidatos europeus façam o teste de admissão, o Health Professions Admission Test — HPAT (Teste de Admissão às Profissões de Saúde) e a maioria exige um mínimo de Leaving Certificate H4 em disciplinas de ciências.

O candidato será elegível para competir por vagas em medicina, desde que atinja, no mínimo, 480* pontos, pague uma taxa de 140 euros e atenda aos requisitos de matrícula da faculdade. O teste é de múltipla escolha e dura, em média, 2 horas e meia, dividido em três módulos ou seções:

  • raciocínio lógico e solução de problemas;
  • compreensão interpessoal (assim como o teste de julgamento situacional, avalia as respostas do candidato a uma série de cenários);
  • raciocínio não verbal (o candidato terá que encontrar padrões nas formas).

Se você quiser saber mais sobre os requisitos para os candidatos europeus, entre no site do The Medic Portal para conferir o detalhamento das exigências por universidade.
(*) Sujeito a alterações ano após ano.

Quais são as faculdades de medicina na Irlanda?

Trinity College é uma das mais tradicionais universidades com faculdade de medicina na Irlanda. Foto: Aitor Muñoz Muñoz | Dreamstime

As quatro principais cidades da Irlanda também hospedam as seis faculdades de medicina do país:

Mesmo tendo parâmetros iguais de ensino e requisitos mínimos de candidatura, cada universidade tem um tempo de estudo, processo seletivo e taxas de matrícula e anuidade diferentes.

Como são as escolas de medicina na Irlanda?

Ensino de medicina na Irlanda é de última geração, com instalações modernas e estágios clínicos. Foto: Irwan/Unsplash

Todas as escolas irlandesas têm uma abordagem bastante moderna da medicina, com uma base sólida em ciências biomédicas e anatômicas sendo ministrada por meio de Problem-Based Learning — PBL (Aprendizagem Baseada em Problemas), antes do início do ensino patológico e clínico nos últimos anos.

Elas oferecem um diploma de Bacharel em Medicina, Bacharel em Cirurgia e Bacharel em Arte Obstétrica. Todos esses diplomas são aceitos em países da União Europeia, assim como em muitas outras regiões do mundo, e permitem que os graduados façam o Exame de Licenciamento Médico dos Estados Unidos (USMLE), nos EUA, e o Exame de Avaliação do Conselho Médico do Canadá.

Todas as universidades oferecem estágios clínicos, nos últimos anos de curso, e os alunos podem se beneficiar de instalações de última geração.

Uma vez que o estudante de medicina se forma no curso, ele deve treinar em um hospital irlandês por um ano. Depois disso, eles são livres para exercer a profissão de doutores e escolher sua área de especialização.

Estrangeiros podem fazer faculdade de medicina na Irlanda?

Candidatos não europeus podem se inscrever diretamente no site das universidades para cursar uma faculdade de medicina na Irlanda. Foto: National Cancer Institute/Unsplash

Sim, estudantes internacionais podem fazer faculdade de medicina na Irlanda. Porém, os candidatos estrangeiros precisam atender requisitos diferentes dos cidadãos europeus.

Eles são avaliados individualmente, e as universidades não têm requisitos específicos de nota mínima para esses candidatos, embora a natureza competitiva dos cursos signifique que uma boa pontuação será exigida de todos os candidatos.

Como faço para me inscrever?

Os candidatos não europeus devem se inscrever diretamente no próprio site da universidade, por meio de programas acadêmicos não pertencentes à União Europeia e respeitando o prazo final estabelecido. Geralmente, as inscrições são feitas por meio do Programa Atlantic Bridge.

O candidato deverá preencher o formulário de solicitação para receber mais informações sobre como será feita a sua inscrição eletrônica, instruções das universidades, requisitos de admissão e outras diretrizes.

O Programa fornece um serviço de inscrição simplificado e um conjunto de documentos de apoio (transcrições, cartas de referência, entre outros), no qual os candidatos podem se inscrever em todas as seis escolas médicas irlandesas.

Importante destacar que qualquer aluno cuja língua materna não seja o inglês deve apresentar um certificado de proficiência no idioma, como TOEFL ou IELTS. Vale ressaltar que essa etapa vem antes da inscrição na universidade, ok?

Além disso, o estudante internacional vai precisar providenciar a tradução juramentada do seu diploma de ensino médio e histórico escolar, fazer um seguro-saúde (governamental ou privado), para emitir o seu visto de estudante (Stamp 2), que deve ser solicitado assim que candidato chega ao país.

Em posse dos documentos necessários (passaporte válido, carta da instituição de ensino, garantia de 3 mil euros, seguro-saúde e comprovante de residência), o estudante deve comparecer em um escritório de imigração para tirar o visto.

Como é o mercado de trabalho para quem faz faculdade de medicina na Irlanda?

Principais áreas para formados em faculdade de medicina na Irlanda são atendimento em clínicas, clínico geral em domicílio, home care e lar de idosos. Foto:  Wrightstudio | Dreamstime.com

Agora que já explicamos as formas de ingresso em uma faculdade de medicina na Irlanda, vamos falar um pouco sobre o mercado de trabalho no país.

As principais áreas de atuação dos médicos são nos hospitais públicos e particulares; clínicas médicas; instituições de caridade; em domicílio, como General Practitioner (GP); Home Care; lares de idosos, entre outros.

O setor de saúde irlandês está sempre carecendo de profissionais para suprir a crescente demanda de atendimento. Isso significa que, se você tem formação na área da saúde, poderá fazer carreira no país.

Contudo, é importante estar atento às burocracias exigidas pelo governo irlandês para exercer a sua profissão por lá.

Mais da metade dos médicos formados são estudantes internacionais. No entanto, após obterem seus diplomas, os recém-formados costumam deixar a Ilha devido a dificuldades em conseguir um estágio — a última etapa da educação médica antes do treinamento de pós-graduação, em um hospital irlandês por um ano.

Em média, o salário de um médico recém-formado em funções hospitalares é de 4 mil euros, com carga horária entre 35-40 horas semanais.

Irlanda vai abrir residência para médicos estrangeiros

O presidente Michael D Higgins assinou emenda do projeto de lei 2019, The Regulated Professions (Health and Social Care) amendment Bill 2019, sobre profissões regulamentadas de saúde e assistência social, permitindo que médicos estrangeiros já registrados no país possam se inscrever para residência médica.

Anteriormente, apenas irlandeses, europeus e médicos de alguns países selecionados podiam se inscrever no programa. Isso porque o Irish Medical Council (conselho médico irlandês) reconhecia apenas qualificações médicas profissionais de médicos fora da UE que fossem da Austrália, Malásia, Nova Zelândia, Paquistão, Sudão, África do Sul, Reino Unido e Malta.

O médico estrangeiro, porém, ainda terá que enfrentar um problema: conseguir ser selecionado para os treinamentos. Isso porque a fila vai privilegiar irlandeses, europeus e, por fim, estrangeiros. Ou seja, se sobrar alguma vaga, ela será oferecida a candidatos qualificados de fora da UE.

Veja também

Como preparar as malas para o Intercâmbio?

Karina Moura
Karina Moura, Formada em Jornalismo e Relações Internacionais. Produtora de conteúdo digital e consultora de comunicação e marketing, atuou por muito tempo em projetos B2B, com atendimento e relacionamento ao cliente. Apaixonada por pessoas e causas que promovam a troca de experiências entre elas, hoje se prepara para o seu primeiro intercâmbio em Dublin, na Irlanda.

Este artigo foi útil?

Você tem alguma sugestão para a gente?

Obrigado pelo feedback! 👋

O que ver em seguida

  • Como funciona a faculdade na Irlanda?

    Planeje seu Intercâmbio

    Como funciona a faculdade na Irlanda?

    Para você que está à procura de algo além dos cursos de inglês, a Irlanda...

    Carol Braziel

    3 semanas atrás

    Como funciona a faculdade na Irlanda?
  • Como fazer faculdade na Irlanda?

    Planeje seu Intercâmbio

    Como fazer faculdade na Irlanda?

    Cursar uma universidade irlandesa é o sonho de muitos brasileiros. Alguns...

    Elizabeth Gonçalves

    3 semanas atrás

    Como fazer faculdade na Irlanda?

Cadastre-se em
nossa newsletter

Seu email foi cadastrado.

Cadastrar outro email

Comentários

🍪

Este site usa cookies para personalizar a sua experiência. Ao utilizar o E-Dublin você concorda com a nossa política de privacidade.

Aceitar e fechar