Este site usa cookies para melhorar a experiência do usuário. Ao utilizar o nosso site você concorda com todos os cookies de acordo com nossa Política de cookies/privacidade. Concordo
Cultura

Gafes culturais! Quem nunca?

Colaborador E-Dublin postou em 22 nov 2016

Nem sempre os nossos costumes serão os mesmos dos de outra pessoa por mais próxima que ela seja de nós. Imagine quando falamos de quem nasceu em um país diferente. O intercâmbio é uma ótima oportunidade para assimilar que, às vezes, o extremamente estranho para um será o normal de outro. Nós do E-dublin fizemos uma seleção de dez gafes que podem ser evitadas baseadas em algumas saias justas que rolam por aí.

Na hora de servir

Ainda falando sobre as refeições, um hábito dos franceses revela que a pessoa que servir o primeiro prato deverá servir todos os demais que estão à mesa. Não importa quantos forem, esteja preparado caso você seja o primeiro.

 

Sapatos

shutterstock_4865449

Crédito: Shutterstock

Entrar em casa sem tirar os sapatos pode ser considerado  desrespeito em algumas culturas. Vale prestar atenção na maneira como o dono da casa recebe você. Normalmente nesses casos  alguns chinelos de andar dentro casa são dispostos na porta para os visitantes. Os dinamarqueses costumam cultivar esse costume.

Refeições

Embora no Brasil muitas famílias estejam acostumadas a fazerem as refeições em frente a TV sem muita cerimônia, em alguns países as pessoas têm algumas regras nessa hora. Se você tiver amigos franceses, provavelmente  vai perceber que eles não iniciam um jantar sem desejar que todos aproveitem a refeição. Seguindo na mesma ordem dificilmente eles irão começar a comer antes dos demais.

Falar alto em locais públicos

O tom da voz também varia de cultura para cultura. Muitos só descobrem quando deixam o país que parte dos brasileiros costuma falar mais alto que alguns outros povos. Vale observar o ambiente e tentar prestar atenção nesse detalhe para não parecer escandaloso.

Sinais que podem ofender

Cuidado! Enquanto o sinal do V com os dedos virados para frente é tido como algo descolado em determinados lugares, em outros ele significa que você está mandando a pessoa para “aquele lugar”. Mais ou menos como mostrar o dedo do meio para alguém.

shutterstock_448424572

Crédito: Shutterstock

Assuntos polêmicos

Política e religião são sempre assuntos delicados e em alguns países eles são ainda mais. Esteja por dentro de questões sociais. Chineses e japoneses podem ficar irritados se alguém falar que eles são praticamente iguais.

Nem tudo que parece é

Mesmo que você ache que manda muito bem no “portuñol” ou que será compreendido perfeitamente em Portugal, tenha certeza do significado das palavras. Se você perguntar em Portugal se alguém já fez um cadastro, provavelmente a pessoa ficará incomodada por não entender o motivo de você perguntar se ela tem passagem pela polícia.

Chegar atrasado

shutterstock_229761016

Crédito: Shutterstock

Principalmente no trabalho, o que é considerado falta grave. Na Irlanda isso pode ser motivo de demissão.  Não importa se são dois ou 20 minutos. A pontualidade é algo básico pela Europa. Se você está no Brasil e marca uma festa na sua casa para às 9 horas da noite, espera-se que os convidados cheguem pelo menos uma hora depois, certo? Mas enquanto nós brasileiros não queremos ser os primeiros a chegar, o povo por aqui costuma  seguir a à risca o horário marcado.

Palavras mágicas

Sabe aquelas palavras que nossos pais ensinam quando ainda somos crianças, mas que alguns adultos acabam esquecendo?  Quem visita a Irlanda percebe que um Irish pede desculpa mesmo que você tenha esbarrado nele. Em diversos países da Europa você vai se habituar a ouvir: por favor,desculpe, obrigado, boa tarde, bom dia, etc. Lembre-se delas sempre!

Cuidado com o senso de humor

Em uma reportagem do G1 o consultor Sven Dinklage contou o caso de um brasileiro que em uma visita ao Marrocos recebeu a proposta de um comerciante local que oferecia uma quantidade de camelos em troca de uma de suas filhas. Bem-humorado ele acabou mal-interpretado ao fazer a brincadeira de que só aceitaria se o comerciante desse o dobro do que estava ofertando. O comerciante por sua vez disse que aceitava e ficou irritado ao perceber que não era uma proposta séria, deixando a família em uma enorme saia justa!

Mas e você? Já cometeu alguma gafe?

Sobre o Autor


Este conteúdo - assim como as respectivas imagens, vídeos e áudios - é de responsabilidade do colaborador do E-Dublin e está sujeito a alterações sem aviso prévio. Quer ver sua matéria no E-Dublin ou ficou interessado em colaborar? Envie sua matéria por aqui!

Veja todos meus outros Posts

Orçamento Fácil

Preencha um formulário e receba orçamento de escolas e agências

Comece agora

E-Dublin: Tudo sobre Intercâmbio


Recentes e populares

Documentos

Tire suas dúvidas sobre a cidadania italiana

1 semana atrás, por Colaborador E-Dublin
Voluntariado

Voluntariado pelo mundo

2 semanas atrás, por Andre Luis Cia
Trabalho

5 sites para procurar vagas de marketing na Irlanda

3 semanas atrás, por Elizabeth Gonçalves
Agenda Cultural

15 eventos para você aproveitar na Irlanda em outubro

3 semanas atrás, por Elizabeth Gonçalves
Ensino Superior

Quais são as melhores universidades irlandesas?

4 semanas atrás, por Elizabeth Gonçalves
Agenda Cultural

Vem aí mais uma edição da Culture Night

4 semanas atrás, por Elizabeth Gonçalves
Quanto custa

Quanto custa manter um carro na Irlanda?

2 meses atrás, por Colaborador E-Dublin
Escolas

8 motivos para fazer o seu intercâmbio em Donegal

2 meses atrás, por Publicidade E-Dublin