Irlanda dará 250 euros de bônus a universitários, mas não-europeus ficam de fora

Irlanda dará 250 euros de bônus a universitários, mas não-europeus ficam de fora

Rubinho Vitti

4 dias atrás

Seguro Viagem

Sabia que é obrigatório ter um seguro viagem para ir pra Europa?

Como parte do Budget 2021, os alunos universitários da Irlanda devem receber 250 euros do governo irlandês antes do Natal como forma de ajudar a compensar gastos por causa do ensino online, oferecido desde o começo da pandemia do novo coronavírus. Serão beneficiados alunos integrais de cursos de graduação e pós-graduação, contemplando cerca de 200 mil estudantes.

O ICOS (Irish Council for International Students), Conselho Irlandês para Estudantes Internacionais, no entanto, divulgou que estudantes internacionais não pertencentes ao EEE (Espaço Econômico Europeu) não vão receber o auxílio.

Segundo o conselho, a atitude do governo é “profundamente injusta e uma oportunidade perdida”.

Universitários irlandeses e europeus receberão do governo da Irlanda um bônus de 250 euros antes do Natal. Foto: Aitor Muñoz Muñoz | Dreamstime

Segundo publicou o jornal Irish Times, o pagamento será único e individual, com um gasto total de € 50 milhões aos cofres irlandeses e tem como objetivo compensar os alunos “pela turbulência pela qual passaram devido à pandemia Covid-19” e a “ênfase no aprendizado online neste ano”.

O jornal confirma que “todos os estudantes de graduação e pós-graduação nacionais e da UE em tempo integral serão elegíveis para a assistência financeira”.

Laura Harmon, Diretora Executiva do ICOS, afirmou, em nota publicada no site do conselho, que é “altamente decepcionante que todos os estudantes internacionais não estejam incluídos no esquema”.

“Os estudantes internacionais não pertencentes à EEA estão sentindo os efeitos da pandemia Covid-19 tanto quanto seus colegas e é importante que os apoiemos. Este é um ótimo esquema e nós o acolhemos para os alunos que podem se beneficiar dele, mas é profundamente injusto que alguns alunos internacionais tenham sido excluídos.”

Ela ressaltou que alunos internacionais “aprimoram muito a experiência do aluno para todos aqui, trazendo diversidade e multiculturalismo para o sistema educacional”.

“Eles devem ser tratados da mesma forma que os outros alunos e receber o mesmo apoio durante a pandemia que todos os outros alunos”.

 

Foto de capa: Stephanie Hau/Unsplash

 

Rubinho Vitti
Rubinho Vitti, Jornalista de Piracicaba, SP, vive em Dublin desde outubro de 2017. Foi editor e repórter nas áreas de cultura e entretenimento. Também é músico, canceriano e apaixonado por arte e cultura pop.

Este artigo foi útil?

Você tem alguma sugestão para a gente?

Obrigado pelo feedback! 👋

O que ver em seguida

Cadastre-se em
nossa newsletter

Seu email foi cadastrado.

Cadastrar outro email

Comentários

🍪

Este site usa cookies para personalizar a sua experiência. Ao utilizar o E-Dublin você concorda com a nossa política de privacidade.

Aceitar e fechar