Já ouviu falar no Livro de Kells?

Já ouviu falar no Livro de Kells?

Ávany França

3 anos atrás

Talvez você já tenha ouvido falar no famoso Book of Kells enquanto pesquisava sobre a Irlanda.

O Livro de Kells, também conhecido como o “Grande Evangeliário de São Columba”, é um manuscrito ilustrado, feito por monges celtas por volta do ano 800 D.C.

Livro de Kells

Foto: Trinity College Dublin

O livro é uma das peças principais do cristianismo irlandês e, apesar de não ter sido concluído, é um dos mais suntuosos manuscritos que restaram da Idade Média. Por sua grande beleza, excelente técnica de acabamento e estado de conservação, ele é considerado por muitos especialistas como um dos mais importantes vestígios da arte religiosa medieval.

Escrito em latim, o Livro de Kells contém os quatro Evangelhos do Novo Testamento, além de notas explicativas e diversas ilustrações coloridas.

Ficou curioso pra ver a obra? O livro encontra-se exposto permanentemente na biblioteca da Trinity College, aqui em Dublin. Mas se você não tem como vir até aqui, pode ver as páginas do manuscrito através do acervo digital da universidade.

Curiosidades

• O precioso Livro de Kells tem mais de 1200 anos, 680 paginas, e é tido como um dos manuscritos antigos mais belos que já se teve notícia;

• Em toda a sua trajetória, o livro já mudou de endereços diversas vezes, sendo a disputa mais recente entre a Trinity College e a cidade de Kells;

• Vamos combinar que tecnologia era uma palavra inexistente no século V, então para criar o manuscrito os monges precisaram usar muito couro animal, o que o tornava caríssimo;

• Outra peculiaridade utilizada pelos monges para criá-lo era a pigmentação, conseguida por meio de misturas mirabolantes;

• O livro foi escrito a mão e os monges utilizavam apenas a luz do sol e, algumas vezes, a luz de velas para guiar seus traços. O que mais impressiona é a riqueza nos detalhes e a presença de figuras minúsculas em cada página do manuscrito;

• Apesar de sua origem ser atribuída a Kells, até hoje continua sendo um mistério onde ele teria sido escrito, já que antes de chegarem a Kells os monges viviam na Escócia;

• O livro é tão famoso que atrai mais de 500 mil visitantes todos os anos;

• Um dos motivos do livro ter ido parar na Trinity College foi justamente a segurança. No passado, mesmo com o esforço dos monges em mantê-lo a salvo dos vários ataques dos Vikings, em 1006 o livro foi roubado da Abadia e reapareceu dois meses mais tarde sem a capa e com algumas danificações;

• O Livro de Kells é uma das grandes apostas para alavancar o turismo no país e a Trinity deve receber a maior parcela da verba destinada a promover o turismo na Ilha. Estamos falando algo em torno de 2,7 milhões de euros.

Book of Kells

Foto: EventCom

Para ver o livro de pertinho é só visitar a famosa Biblioteca da Trinity College:

Trinity College – Old Library
Tickets: a partir de €9
Consulte o site oficial para mais informações e consulta de horários!

Encontrou algum erro ou quer nos comunicar uma informação?
Envie uma mensagem para [email protected]

Veja também

Tudo o que você precisa saber sobre os Pubs na Irlanda

Avatar
Ávany França, Jornalista por profissão, já passou por editorias de moda, gastronomia, história e turismo. Uma vida sem desafios não foi desenhada para essa baiana de Salvador. Amante das viagens, coleciona mais de 80 destinos no passaporte. Quer saber mais? Corre porque até você terminar de ler esse perfil já terei alguma novidade.

Este artigo foi útil?

Você tem alguma sugestão para a gente?

Obrigado pelo feedback! 👋

O que ver em seguida

Cadastre-se em
nossa newsletter

Seu email foi cadastrado.

Cadastrar outro email

Comentários

🍪

Este site usa cookies para personalizar a sua experiência. Ao utilizar o E-Dublin você concorda com a nossa política de privacidade.

Aceitar e fechar