Este site usa cookies para melhorar a experiência do usuário. Ao utilizar o nosso site você concorda com todos os cookies de acordo com nossa Política de cookies/privacidade. Concordo
Destinos de Intercâmbio

O destino do meu intercâmbio: Singapura

Ávany França postou em 10 nov 2016

Por Michel Carvalho

Uma cidade, uma ilha e um país. Tudo junto. De ex-colônia britânica para um dos epicentros do desenvolvimento asiático, assim é Singapura. Apesar de pouco popular Singapura é um dos destinos para quem pretende aprender inglês. Mas, seria Singapura realmente uma possibilidade viável de se aprender outros idiomas? Quanto custaria um ano de estudo de línguas por lá?

shutterstock_140628544

Credito: Shutterstock

Singapura ganhou seus atuais contornos no século 19 como uma base mercantil britânica, no sudeste asiático. Se desenvolveu utilizando sua privilegiada localização e sólido planejamento urbano. No pequenino país/ilha/estado encontra-se as maiores empresas do mundo, sem falar do Eduardo Severin, o brasileiro do Facebook.

Eduardo deixou a terra do tio Sam, passou a mão em seus caraminguás, para desembarcar em Singapura que tem o quarto maior centro bancário e a terceira maior renda per capita do mundo. Com herança britânica e eficiente descentralização política tronou-se um dos quatro tigres asiáticos e um modelo da economia moderna.

E como é a vida desse lado do planeta?

shutterstock_506979109

Crédito: Shutterstock

Singapura foi projetada para não haver dissociação entre o ganho do país e de seus cidadãos. O país estimula sua economia para que seus moradores se beneficiem dos seus ganhos. E, para evitar problemas sociais como o aumento do surgimento de favelas, por exemplo, relocou seus cidadãos para apartamentos populares.

Outros fatos interessantes sobre sobre Singapura: O país não tem renda mínima (salário mínimo) e apenas 2% de taxa de desemprego. Assim como os outros três tigres asiáticos, Singapura é, enquanto conceito, um típico sistema baseado no livre comércio. A diversificação dos setores internos trouxeram resiliência e competitividade para Singapura, mesmo em época de crise econômica mundo a fora. Com um forte setor de serviços, enquanto o mundo tentava salvar seus bancos, Singapura registrou robustos 14.5% de crescimento em 2010.

E por outro lado, junto com os países escandinavos, o país é considerado pelo Corruption Perceptions Index como tendo as menores taxas de corrupção do mundo. Multicultural e dinâmica, a jovem Singapura mostra sua expressão máxima. De acordo com relatórios das Nações Unidas de 2009, 42% da população é estrangeira. Outro dado interessante é o mandarim, uma das línguas oficiais em Singapura  ao lado do inglês, o que abre a possibilidade de se aprender as línguas das maiores economias do planeta.

Quanto custaria um ano de estudo de línguas por lá?

shutterstock_88117822

Em termos de investimento, Singapura se mostra também competitiva em comparação a outros países de língua inglesa. Confira alguns valores aqui.  Se o objetivo é aprender o mandarim, o lugar é New Concept Mandarin Singapore.

As turmas, assim como em outros países vão de básico ao avançado. Para os proficientes, o custo para estudar e custo de vida em Singapura é menor quando comparado aos tradicionais destinos (Inglaterra, Canadá, Estados Unidos, Austrália). Somado aos aproximadamente $45 de seguro saúde, Singapura é sim um dos destinos a serem avaliados sem preconceitos e, mais do que isso, uma aposta que vem dando muito certo.

Ah, e antes de seguir para o próximo texto sobre Singapura vale citar outra curiosidade sobre a ilha. Seu nome: Singapura ou Cingapura? Apesar de ambos serem aceitos, a grafia passou por várias mudanças desde o século 16, quando a palavra original era escrita com “c”. Portugal acabou se influenciando pelo Singapure, no inglês e adotou o “s”. No entanto o Brasil não seguiu o acordo proposto com Portugal e atualmente o que perdura por aqui é Cingapura com C maiúsculo. Porém, nem os dicionários conseguem entrar em um acordo, o
Houaiss registra Cingapura, o Aurélio, Singapura.

Crédito: Shutterstock

Sobre o Autor


Uma vida sem desafios não foi desenhada para essa baiana de Salvador. Jornalista por profissão, já passou por editorias de moda, gastronomia, história e turismo. Amante das viagens, coleciona mais de 50 destinos no passaporte. Quer saber mais? Corre porque até você terminar de ler esse perfil já terei alguma novidade.

Veja todos meus outros Posts

Orçamento Fácil

Preencha um formulário e receba orçamento de escolas e agências

Comece agora

Recentes e populares

Destinos de Intercâmbio

Já considerou estudar em Singapura?

6 meses atrás, por Colaborador E-Dublin
Dicas de Viagem

Quatro dias em Singapura: Dá e sobra

1 ano atrás, por Ávany França
Dicas de Viagem

Um giro por Cingapura

2 anos atrás, por Ávany França

Posts recentes

E-Dublin TV

Subemprego na Irlanda é ruim? – PCVV#138

12 horas atrás, por Tarcisio Junior
E-Dublin TV

Evite usar essas palavras no LinkedIn

2 dias atrás, por Edu Giansante
Ensino Superior

Como se candidatar a uma universidade em Portugal

2 dias atrás, por Elizabeth Gonçalves
Quanto custa

Quanto custa ir ao cinema em Dublin?

4 dias atrás, por Elizabeth Gonçalves
Pra Onde Ir

Que tal curtir um dia de sol em Skerries?

6 dias atrás, por Elizabeth Gonçalves