O intercâmbio começou! E agora?

O intercâmbio começou! E agora?

Colaborador E-Dublin

4 semanas atrás

Siga o E-Dublin no Instagram

Manter-se organizado, centrado, autoconfiante e disciplinado serão fatores decisivos nos seus primeiros meses no exterior. Isso mesmo, MESES! Na minha experiência, os 2 primeiros meses são de pura adaptação à nova língua, clima, moradia, rotina, amigos, trabalho, cultura, etc. Para manter o seu equilíbrio emocional, seja realista, troque toda suas expectativas por perspectivas e se organize para que você possa lidar bem com todos os desafios e emoções que virão neste momento. Segue abaixo algumas dicas que poderão ser muito úteis neste momento:

Celebre sua conquista

shutterstock_520963117

Foto: Shutterstock

Antes de se preocupar com o que você tem que ter e fazer, permita-se celebrar a realização do seu sonho. Isso não significa viver vida de turista, festejar durante semanas ou gastar todo o seu dinheiro sem moderação, mas sim, após sonhar e trabalhar muito para conseguir viver seu intercâmbio, ter a chance de explorar o nosso país, admirar a beleza de cada cantinho e se surpreender com o novo. A alegria e prazer que você sentirá nesse momento serão muito importantes para que você possa reforçar o seu objetivo inicial de se mudar para o exterior.

Crie uma rotina

Foto: Shutterstock

Foto: Shutterstock

Você terá uma nova vida e nos primeiros dias o sentimento será: O que eu faço primeiro? Será normal se sentir perdido sem saber por onde começar? Contudo, você deverá trabalhar a autodisciplina e focar nos objetivos que já escreveu quando ainda estava no Brasil – se você não leu os textos anteriores, não deixe de conferir. Uma agenda, um app no celular ou um diário de bordo serão fundamentais para planejar seu dia a dia, principalmente para o desenvolvimento do novo idioma.

Estabeleça prioridades e controle sua ansiedade – as coisas não irão acontecer da noite para o dia, não importa quanto tempo, dinheiro ou networking você tenha. Saiba quais são as suas prioridades (estudo, trabalho, vida social, viagens, etc.) e crie um plano de ação para cada um, estabelecendo o passo a passo para cada etapa.

Conecte-se com outras pessoas

shutterstock_343142486

Foto: Shutterstock

Já dizia o poeta… “é impossível ser feliz sozinho”. De tudo o que você poderá adquirir e aprender com a sua vivência no exterior, sem dúvidas, uma das maiores riquezas serão as amizades que você fará. Encontre pessoas que estejam no mesmo barco que você e que estejam despostas a compartilhar essa aventura – mas seja seletivo e lembre-se do outro ditado, muito importante, “antes só que mal acompanhado”.

Pratique acreditar em você

Foto: Shutterstock

Foto: Shutterstock

Lembre-se do que falamos no artigo anterior sobre treinar o seu mindset? Acredite em você e no seu poder de ser 100% responsável pelos seus resultados. Visualize suas metas e acredite que tudo dará certo. Aprenda com cada erro ou desafio que surgir no seu caminho e se torne uma pessoa melhor. Afinal, o intercâmbio é uma oportunidade e tanto para desenvolver sua autoconfiança.
Tem alguma dúvida ou queria ler sobre algum assunto específico nessa coluna? Escreva para mim no e-mail [email protected] ou das redes sociais. Abraço!

,

Lilian Sousa é uma psicóloga e coach, sempre em busca de novos desafios. Em 2015, trocou a carreira de executiva no Brasil para realizar o seu sonho de conhecer pessoas, descobrir novos destinos ao redor do mundo e explorar o seu Dom de Ser Livre. Atualmente, atua como empreendedora e ajuda brasileiros expatriados a se autoconhecerem e se transformarem na sua melhor versão.

Para conhecer mais sobre o trabalho da Lilian, acesse O Dom de Ser Livre.

Este artigo foi útil?

Você tem alguma sugestão para a gente?

Obrigado pelo feedback! 👋

O que ver em seguida

  • Correr atrás de sonho também dói

    Planeje seu Intercâmbio

    Correr atrás de sonho também dói

    Quando eu fiz 30 dias na Irlanda, eu chorei, eu chorei muito... Eu nem me...

    Colaborador E-Dublin

    16 horas atrás

    Correr atrás de sonho também dói
  • 10 coisas que você fatalmente aprenderá no intercâmbio

    Planeje seu Intercâmbio

    10 coisas que você fatalmente aprenderá no intercâmbio

    É, meu amigo intercambista. Não adianta achar que só de inglês é feito o...

    Carol Braziel

    2 dias atrás

    10 coisas que você fatalmente aprenderá no intercâmbio

Cadastre-se em
nossa newsletter

Seu email foi cadastrado.

Cadastrar outro email

Comentários

🍪

Este site usa cookies para personalizar a sua experiência. Ao utilizar o E-Dublin você concorda com a nossa política de privacidade.

Aceitar e fechar