Este site usa cookies para melhorar a experiência do usuário. Ao utilizar o nosso site você concorda com todos os cookies de acordo com nossa Política de cookies/privacidade. Concordo
Trabalho

Orgulho de amigos brasileiros

postou em 25 mar 2009

Emprego está difícil? Está.

Entender inglês nos primeiros dias é difícil? É.

As respostas são sempre as mesmas. Porém, vou contar aqui duas histórias, de dois brasileiros amigos especiais meus, que me deixaram orgulhoso: G e Mago! (Os nomes reais não serão relevados por questão de sigilo)

G estava em busca de emprego, não tinha ingles fluente, mas tinha muita força de vontade. Em uma de suas buscas, recebeu uma proposta para trabalhar em outra cidade, como Au Pair.

Mesmo sendo uma cidade pequena e afastada de Dublin, ela foi atrás. A empregadora fez a entrevista, perguntou sobre disponibilidade de mudança, etc e claro: ambas tinham medos e incertezas.

Uma porque não sabia como seria a vida sozinha em outra cidade morando na casa de uma família, e, do outro lado, a empregadora que tinha dúvidas se seria uma pessoa confiável e que não abandoraria o posto de uma hora pra outra.

Foi aí que ela fez a diferença. G se ofereceu a ficar lá e trabalhar no final de semana, para que ambas pudessem se testar. Acredito que esse mínimo gesto tenha feito a diferença na escolha da empregadora, pois mostrou que ela poderia confiar na G, e a G viu que poderia encarar o desafio.

Muitos diriam “ah, eu também faria isso” mas na prática as vezes não fazem. Ou por estarem desesperados pelo primeiro salário ou por não estarem calmos para raciocinar na hora da entrevista.

Pois bem, o segundo caso é um pouco diferente.

Mago, grande amigo, alpinista vindo de uma vida de muitas batalhas, conseguiu emprego em uma loja de esportes, no setor de alpinismo.

Como todos sabem, lojas trabalham com comissão, e todo mês tem metas de vendas. Se voce mal fala inglês e trabalha em um setor pouco requisitado da loja (comparado com futebol, rubgy e outros esportes), teoricamente terá grandes problemas nas vendas.

Eis que Mago, com sua força de vontade e sabendo que emprego está difícil, se esforçou ao máximo para que pudesse alcançar as metas. No primeiro mês de trabalho, não só bateu sua meta, como foi o vendedor com MAIS VENDAS.

Foi fácil? Não.

Mudar-se para uma cidade de 20 mil habitantes, do outro lado do país, pra morar na casa de uma família que não fala sua língua, é fácil? Não.

Mas a dedicação desses dois me deixaram orgulhoso mais uma vez. Mostra que pequenos gestos e seu real esforço fazem a diferença. Não só na Irlanda, mas em qualquer lugar do mundo.

Se é pra isso que você veio, esteja disposto. Não tente encontrar empecilhos antes mesmo de tentar.

Quantas vagas tem no FAS hoje? 50? Então encare como 50 oportunidades.

Sobre o Autor


Fundador e CEO do E-Dublin, Edu chegou na Irlanda em 2008, no ano pré-crise, pegou a nevasca de 2010 e comeu cérebro de cabra em Marrakesh. O Edu também é baterista da banda Irlandesa Medz.

Veja todos meus outros Posts

Orçamento Fácil

Preencha um formulário e receba orçamento de escolas e agências

Comece agora

E-Dublin: Tudo sobre Intercâmbio


Recentes e populares

Top 5

5 instituições de apoio ao imigrante na Irlanda

7 meses atrás, por Rubinho Vitti
E-Dublin News

Rickshaws podem ser banidos em Dublin

2 anos atrás, por Ávany França