Passageiros vindos do Brasil terão que fazer quarentena obrigatória na Irlanda

Passageiros vindos do Brasil terão que fazer quarentena obrigatória na Irlanda

Rubinho Vitti

4 semanas atrás

Seguro Viagem

Sabia que é obrigatório ter um seguro viagem para ir pra Europa?

Passageiros que aterrissarem na Irlanda vindos do Brasil ou África do Sul vão precisar fazer quarentena obrigatória após a chegada, mesmo com a apresentação do exame PCR negativo para Covid-19. Os dois países são considerados de risco por causa das novas variantes do vírus encontradas neles.

Quem chegar à Irlanda de outros países sem um teste negativo PCR para Covid-19 também precisará se isolar, obrigatoriamente, por 14 dias. O isolamento será feito em locais pré-determinados pelo governo.

As regras fazem parte de um novo pacote de medidas contra a doença aprovado na segunda-feira pelo Cabinet sub-committee on Covid-19, uma comissão especial do governo irlandês para decisões sobre o novo coronavírus.

A aprovação das recomendações desta comissão aconteceu nesta terça-feira, 26 de janeiro, quando também foi aprovada uma extensão do lockdown até 5 de março.

Como vai funcionar as restrições de viagens?

Segundo o site do governo irlandês, “viagens internacionais não essenciais são uma violação das regras de Nível 5”, por isso o governo concordou em introduzir uma série de medidas destinadas a reduzir o risco que representam.

Entre as novas medidas está a quarentena obrigatória em uma “instalação designada” para os passageiros que chegarem do Brasil e da África do Sul. Essas instalações, segundo o jornal Irish Times,  provavelmente serão hotéis localizados próximos a aeroportos. Quem deverá pagar a estadia serão os próprios viajantes.

O mesmo acontece para quem chegar de outro país com o teste PCR negativo (‘não detectado’) antes da partida.

Haverá ainda restrições de viagens da África do Sul, Brasil e outros países da América do Sul, incluindo suspensão de visitas de curta duração sem visto (a autorização que geralmente é dada a turistas para permanecer até 90 dias no país) para quem vier destas regiões pelo menos até 5 de março.

Passageiros vindos de outros destinos serão obrigados por lei a quarentena em casa. Antes era apenas uma indicação, mas agora será obrigatório.

A aplicação e os detalhes destas medidas como datas de início dependerão de regulações e votação do Congresso irlandês, o que, segundo o governo, deverá acontecer imediatamente.

Imagem do site oficial do governo sobre as regras de quarentena obrigatória para quem chega do Brasil na Irlanda

Penalidades para quem infringir as regras

Houve um aumento no valor das penas por violação de regras relativas a viagens internacionais — como por exemplo furar a quarentena — sendo multa de 2.500 euros e/ou seis meses de prisão.

Também aumentou o valor da multa para quem estiver fora do raio de 5km sem um motivo essencial. “Postos da Garda serão implantados em nossos portos e aeroportos e aqueles que violarem este regulamento estarão sujeitos a uma multa aumentada de € 500”, disse o primeiro-ministro no seu discurso.

“Agora, mais do que nunca, todos nós que temos um papel de liderança – em todo o espectro político, na mídia, nas comunidades, em todos na sociedade – devemos manter o foco nas medidas que irão trazer a doença sob controle e que nós, como país estão em posição de entregar”, ressaltou.

Foto de capa: 褚 天成/Unsplash

Rubinho Vitti
Rubinho Vitti, Jornalista de Piracicaba, SP, vive em Dublin desde outubro de 2017. Foi editor e repórter nas áreas de cultura e entretenimento. Também é músico, canceriano e apaixonado por arte e cultura pop.

Este artigo foi útil?

Você tem alguma sugestão para a gente?

Obrigado pelo feedback! 👋

O que ver em seguida

Cadastre-se em
nossa newsletter

Seu email foi cadastrado.

Cadastrar outro email

Comentários

🍪

Este site usa cookies para personalizar a sua experiência. Ao utilizar o E-Dublin você concorda com a nossa política de privacidade.

Aceitar e fechar