Este site usa cookies para melhorar a experiência do usuário. Ao utilizar o nosso site você concorda com todos os cookies de acordo com nossa Política de cookies/privacidade. Concordo
Quanto custa

Quanto custa manter um carro na Irlanda?

Colaborador E-Dublin postou em 16 mai 2017

shutterstock_347921210

Conheça os principais gastos para manter um carro na Irlanda. Foto: Shutterstock

Andar por Dublin é perceber que a população não se importa tanto em deixar o carro na garagem para utilizar o transporte público e as bicicletas. Isso vale tanto na hora de ir para o trabalho, quanto na ida para pubs e festas. Mas inevitavelmente, encontrar anúncios de carros por menos de mil euros acaba despertando a curiosidade dos brasileiros que vivem por aqui. Afinal, quanto custa andar sobre quatro rodas em solo Irish?

Por aqui, os valores serão influenciados por fatores como o ano do carro, a potência, a quantidade de gás carbônico emitido e o tipo de habilitação do condutor. Para saber se a manutenção de um carro caberá no seu bolso, é preciso considerar pelo menos três gastos: impostos, seguro e NCT.

O governo irlandês exige que seja pago um imposto para a circulação de veículos, que deve ser revertido em melhorias para o trânsito. Este imposto deve ser pago anualmente, ficando à parte do imposto sobre o registro do carro. O pagamento pode ser feito para três meses, seis meses ou um ano – sendo essa última opção a mais econômica em relação a descontos.

É importante saber, também, que, dependendo do seguro, o valor do seguro poderá ser quase o preço do carro! Um brasileiro dificilmente conseguirá pagar menos de 1000 euros no seguro durante seu primeiro ano na Irlanda. Se você tiver uma habilitação irlandesa provisória, o valor já reduz um pouco, porém é somente com a chamada “full licence” (quando o motorista possui carteira de habilitação irlandesa há mais de dois anos) que os descontos começam a aumentar mais.

O valor é menor, também, para carros registrados a partir de julho de 2008, pois ele passa a ser calculado de acordo com a quantidade de CO2 emitida pelo veículo (antes era pelo tamanho do motor).

O curioso é a forma como é feita a fiscalização: ao contrário do Brasil, onde os motoristas são parados em blitz, aqui é preciso deixar o comprovante à mostra no vidro do carro. Se o guarda de trânsito não o encontrar, isso será considerado infração, resultando em multa.

Seguro

shutterstock_151647728

Fonte: Shutterstock

Qualquer pessoa que for dirigir na Irlanda precisa ter um seguro, que se aplica ao motorista e não ao veículo. Dessa forma, todas as pessoas que irão dirigir o carro precisam estar cobertas pelo seguro. As determinações de valores são semelhantes às do Brasil, seguindo uma ordem de critérios das seguradoras, que apontam os riscos do perfil do usuário. A Federação Irlandesa de Seguros (Insurance Ireland) presta serviço respondendo perguntas à população pelo telefone 01 676 1820.

Os dois tipos mais comuns são o Comprehensive e Third Party Fire & Theft Policy. Se o carro não vale muito, compensa fazer apenas o Third Party Fire & Theft Policy, que é obrigatório, mas mais barato que o Comprehensive. Saiba mais.

National Car Test (NCT)

Essa é a medida responsável por tentar garantir que todos os carros que circulam em via pública estão dentro dos padrões de segurança exigidos. O governo da Irlanda exige que qualquer carro com quatro anos ou mais seja testado, repetindo a ação a cada dois anos para os carros lançados depois de 2012 (modelos anteriores a esse ano devem fazer o teste todos os anos). A taxa para o NCT é de 55 euros, porém, se o veículo não for aprovado, será necessário voltar ao mecânico e refazer o teste novamente, pagando mais 28 euros. As revisões são previamente marcadas e se o motorista cancelar o compromisso com menos de cinco dias úteis de antecedência, será cobrada uma sobretaxa de 22 euros. Todos os carros devem ser testados antes ou na data da primeira matrícula. Os endereços dos centros de testes, assim como outras dúvidas sobre o NCT, podem ser conferidos no site www.ncts.ie.

Falando em valores…

Apenas para se ter uma ideia de como essas informações se transformam em valores, vamos dar o exemplo da estudante Gizelly, que mora em Dublin há quatro anos e comprou um carro há poucos meses. Ela investiu em um Passat/Volkswagen, modelo 2004/diesel. Ela gastou 950 euros no veículo e 55 euros no NCT. Por outro lado, ela precisou desembolsar 1100 euros no seguro. Agora, quanto ela vai gastar de combustível já é outra história – a gasolina, por exemplo, custa 1,31 euros/litro!

Vale lembrar, também, que o processo para solicitar a carta de motorista na Irlanda é bem diferente do que conhecemos no Brasil. Para saber como é, clique aqui.

Revisado por Tarcísio Junior
Imagens via Shutterstock
Encontrou algum erro ou quer nos comunicar uma informação?
Envie uma mensagem para [email protected]

Sobre o Autor


Este conteúdo - assim como as respectivas imagens, vídeos e áudios - é de responsabilidade do colaborador do E-Dublin e está sujeito a alterações sem aviso prévio. Quer ver sua matéria no E-Dublin ou ficou interessado em colaborar? Envie sua matéria por aqui!

Veja todos meus outros Posts

Orçamento Fácil

Preencha um formulário e receba orçamento de escolas e agências

Comece agora

E-Dublin: Tudo sobre Intercâmbio

Recentes e populares

Trabalho

5 sites para procurar emprego na área de saúde

7 dias atrás, por Elizabeth Gonçalves
E-Dublin TV

Quanto custa um carro na Irlanda

3 semanas atrás, por Edu Giansante
Trabalho

Entenda como funcionam os direitos trabalhistas na Irlanda

3 semanas atrás, por Elizabeth Gonçalves
Agenda Cultural

15 eventos para curtir pela Irlanda em setembro

3 semanas atrás, por Elizabeth Gonçalves
Moradia

O lado obscuro do setor de TI na Irlanda

4 semanas atrás, por Elizabeth Gonçalves
Ensino Superior

Quais são as melhores universidades irlandesas?

1 mês atrás, por Elizabeth Gonçalves
Agenda Cultural

15 eventos para você curtir em agosto na Irlanda

2 meses atrás, por Elizabeth Gonçalves
Cursos de Inglês

Intercâmbio depois dos 50 anos

2 meses atrás, por Deby Pimentel