Este site usa cookies para melhorar a experiência do usuário. Ao utilizar o nosso site você concorda com todos os cookies de acordo com nossa Política de cookies/privacidade. Concordo
Dicas de Viagem

Que tal conhecer os castelos de Tipperary, na Irlanda?

Elizabeth Gonçalves postou em 11 mar 2018

Nós já abordamos aqui no E-Dublin diversos destinos para serem explorados na Irlanda. Pois hoje nosso tour vai parar no meio da Ilha Esmeralda, explorando um pouco mais o condado de Tipperary.

Tipperary fica a 4,5 horas de Dublin, no interior da Irlanda. Crédito: Irina274 | Dreamstime.com

Este é o sexto maior condado irlandês e tem uma população de pouco mais de 160 mil pessoas. Entre suas principais cidades estão Clonmel, Nenagh, Cashel e Thurles, além de Tipperary, a cidadezinha que dá nome ao condado.

Idioma

A língua mais falada em Tipperary é o inglês, entretanto, estima-se que o condado conte com aproximadamente 980 habitantes cujo irlandês é a primeira língua.

Como chegar

De carro: o percurso de Dublin até a cidade de Tipperary leva em torno de duas horas pela rodovia M7.

De ônibus: há opções de transporte público interligando Tipperary a Limerick, Cork, Waterford. Já a partir de Dublin, a viagem dura 4 horas e meia e a passagem de ida e volta custa em média 35 euros.

De trem: a viagem ferroviária é bem mais rápida a partir de Dublin, levando em torno de duas horas e custando 42 euros ida e volta – estudantes pagam 22 euros.

Do aeroporto: Tipperary está, também, a uma curta distância de carro do Aeroporto Internacional de Shannon, no condado de Clare.

Onde ficar

As vilas e cidades de Tipperary contam com uma boa variedade de acomodações para todos os gostos e orçamentos. Para se ter uma ideia melhor de onde ficar, consulte online as opções disponíveis e programe-se com antecedência.

O que fazer

O Rock of Cashel Um dos pontos turísticos de Tipperary. Crédito: Patryk Kosmider | Dreamstime.com

O condado de Tipperary conta com várias atrações de tirar o fôlego. Uma delas é o Rock of Cashel, uma fortaleza construída no século 12 e localizada no topo de um morro. O conjunto de prédios medievais inclui uma torre redonda de 28 metros de altura, que estima-se ter sido construída por volta do ano 1100, além de uma capela e uma catedral. O local é uma das atrações turísticas mais visitadas da Irlanda – incluindo uma visitante ilustre, a rainha Elizabeth II, que esteve no local em 2011. Os ingressos custam 7 euros e estudantes munidos de uma carteirinha válida pagam 3 euros.

Outro ponto de Tipperary que vale a visita, é a Famine Warhouse. Esse local está relacionado a um dos momentos mais tristes da história irlandesa, a Grande Fome. Durante a revolta de 1848, rebeldes liderados por William Smith O’Brien se abrigaram dentro desta casa e tomaram crianças como reféns. As coisas não terminaram bem e este incidente marcou o fim da revolta. Atualmente a casa abriga exposições sobre a história da Grande Fome e também da emigração em massa de irlandeses para os Estados Unidos e Austrália. A casa está localizada a 30 quilômetros de Cashel, pela estrada R691. A entrada é gratuita.

O Cahir Castle mantém uma estrutura bem preservada e é aberto a visitação. Crédito: Patryk Kosmider | Dreamstime.com

Para quem não se cansa de ver os castelos irlandeses, o Cahir Castle é outro que vale uma parada. Construído entre os séculos 13 e 15, ele foi palco de cercos e bombardeios durante séculos. De posse da poderosa família Butlers, em 1375, o castelo foi capturado três vezes em sua história, nos anos de 1599, 1647 e 1650. Sendo que, em 1961, após a morte do Lorde de Cahir, o castelo passou a ser propriedade do governo irlandês. Ainda hoje a construção está bem preservada, mantendo sua torre original e sua estrutura de defesa. A visita custa 3 euros para adultos e 1 euro para estudantes.

Também em Cahir, praticamente na divisa entre os condados de Tipperary e Cork, está localizada a caverna Mitchelstown. Descoberta em 1833, quando um operário acidentalmente derrubou seu equipamento por uma fenda na região, a caverna é uma das maiores da Europa e conta com uma beleza de tirar o fôlego. As visitas são guiadas, custam 9 euros por pessoa e incluem três cavernas. O curioso é que, independentemente da época do ano, a temperatura em seu interior continua constante a 12 graus.

Por que ir?

Tipperary apresenta alguns dos mais icônicos monumentos da história irlandesa, como o Rock of Cashel e o Castelo de Cahir. Além disso, possui um visual bucólico e charmoso, com paisagens deslumbrantes, podendo ser um excelente refúgio para descansar e curtir a natureza.

Ficou com vontade de fazer intercâmbio? Comece por aqui!

Revisado por Tarcísio Junior
Encontrou algum erro ou quer nos comunicar uma informação?
Envie uma mensagem para [email protected]

Sobre o Autor


Elizabeth Gonçalves é jornalista viciada em cinema, música e literatura. Paulistana, se apaixonou por Dublin, onde mora há mais de um ano e sonha em fazer uma viagem de volta ao mundo.

Veja todos meus outros Posts

Orçamento Fácil

Preencha um formulário e receba orçamento de escolas e agências

Comece agora

E-Dublin: Tudo sobre Intercâmbio


Recentes e populares

Publicidade

Estude e trabalhe em Dún Laoghaire, na Irlanda

2 meses atrás, por Publicidade E-Dublin
Curiosidades

Conheça a Irlanda com a ajuda de moradores locais

3 meses atrás, por Publicidade E-Dublin
Cultura

Quarta-feira Free na Irlanda

3 meses atrás, por Tarcisio Junior
E-Dublin TV

Interior da Irlanda, Whiskey Tullamore

3 meses atrás, por Mah Marra
Publicidade

6 razões para fazer intercâmbio em Cork

4 meses atrás, por Publicidade E-Dublin
E-Dublin TV

Hospedado em um castelo na Irlanda

6 meses atrás, por Edu Giansante
Saúde

Depressão? Onde procurar ajuda na Irlanda?

7 meses atrás, por Deby Pimentel
Irlanda

Conheça os encantos de Killarney, na Irlanda

7 meses atrás, por E-Dublin Press