Quem possui passaporte europeu não precisa comprovar residência para entrar na Irlanda

Quem possui passaporte europeu não precisa comprovar residência para entrar na Irlanda

Rubinho Vitti

2 meses atrás

Seguro Viagem

Sabia que é obrigatório ter um seguro viagem para ir pra Europa?

O E-Dublin entrou em contato com o Departamento de Justiça da Irlanda para tirar uma dúvida comum dos brasileiros que possuem passaporte europeu. Afinal, é preciso comprovar residência na Irlanda mesmo com um passaporte italiano, português ou espanhol (só para citar alguns países que fazem parte da UE)?

De acordo com o porta-voz do Departamento, uma pessoa que possui um passaporte europeu “tem o direito de circular livremente entre os Estados-Membros da UE e não precisa provar residência na Irlanda para viajar para a Irlanda”, mesmo durante o lockdown.

Quem possui passaporte europeu não precisa comprovar residência na Irlanda para entrar no país, segundo Departamento de Justiça. Foto: Pxhere

No entanto, ele ressaltou que todas as pessoas que viajam para a Irlanda devem preencher o formulário localizador de passageiros no qual é necessário indicar se o propósito da viagem é essencial ou não. “Uma pessoa que fornecer informações falsas intencionalmente no formulário comete um crime”, ressalta.

“É contra a lei qualquer pessoa viajar na Irlanda para fins não essenciais e as pessoas podem ser multadas por isso, com uma multa de 500 euros para viagens internacionais não essenciais. Você pode ser solicitado a fornecer uma prova do propósito da viagem”, disse.

Ele ressalta, ainda, que os requisitos de quarentena obrigatória (já citados acima) de viagens do Brasil e de outros países, são para passageiros “independentemente de seu passaporte ou nacionalidade (e, portanto, isso inclui portadores de passaporte irlandês / EEE ou residentes na Irlanda)” e isso inclui a quarentena em hotéis que deve ser imposta em breve.

No caso de pessoas casadas com portadores de um passaporte europeu, essas precisam de visto e os vistos, conforme já publicamos no E-Dublin, estão suspensos no momento. Ou seja, se o marido ou a esposa de um europeu ainda não possui o visto de residência na Irlanda e não tem motivos essenciais e urgentes para viajar, não poderá entrar, no momento, no país.

O cônsul da Irlanda em São Paulo, no Brasil, realizou uma reunião com o intuito de ratificar as regras de viagens entre Brasil e Irlanda, listando pontos importantes que devem ser levados em conta na hora de pensar em viajar.

Rubinho Vitti
Rubinho Vitti, Jornalista de Piracicaba, SP, vive em Dublin desde outubro de 2017. Foi editor e repórter nas áreas de cultura e entretenimento. Também é músico, canceriano e apaixonado por arte e cultura pop.

Este artigo foi útil?

Você tem alguma sugestão para a gente?

Obrigado pelo feedback! 👋

O que ver em seguida

Cadastre-se em
nossa newsletter

Seu email foi cadastrado.

Cadastrar outro email

Comentários

🍪

Este site usa cookies para personalizar a sua experiência. Ao utilizar o E-Dublin você concorda com a nossa política de privacidade.

Aceitar e fechar