Quer trabalhar como cuidador na Irlanda? Há vagas

Quer trabalhar como cuidador na Irlanda? Há vagas

Colaborador E-Dublin

3 meses atrás

Você já deve ter visto  por aí vários anúncios de vagas para Healthcare Assistant (HCA), os famosos carers, ou cuidadores. Pois é, bem-vindo a um dos setores com grande demanda de profissionais na Irlanda.

Se você tem experiência na área de saúde, já atuou como cuidador ou é enfermeiro, e busca uma brecha para entrar no mercado irlandês pela porta da frente, a sua hora chegou.

E antes que você pense que as vagas são para residentes ou apenas para pessoas com stamp 4, vai a boa notícia: estudantes de línguas com stamp 2 também podem se beneficiar com as vagas para care workers facilmente, já que há escalas de trabalho variáveis e que se adequam à exigência de 20h semanais. Vamos nessa então?

Mercado de cuidadores cresce na Irlanda e estudantes brasileiros também podem aplicar para as vagas. © Larisa Ros | Dreamstime.com

Mercado de cuidadores cresce na Irlanda e estudantes brasileiros também podem aplicar para as vagas. © Larisa Ros | Dreamstime

Quem  conta para a gente como anda a demanda e quais são as necessidades do setor é a recrutadora Isabela Nascimento.

Healthcare Assistant é a pessoa que trabalha com cuidados de idosos, pessoas com deficiências e outras limitações. O trabalho pode ser feito tanto na casa do paciente (home care), como em casas de repouso (nursing home). Para ser um HCA, o candidato tem que ter formação em enfermagem ou possuir a certificação irlandesa FETAC/QQI level 5 em  Healthcare Support.

Esse tipo de trabalho pode ser bem flexível, já que, dependendo do cliente, a carga horária semanal pode variar muito: 10h, 20h, fulltime (39h) ou às vezes menos e até mais. E esse é o primeiro ponto positivo para quem é da área e está na Irlanda apenas como o visto de estudante. O mesmo vale para pessoas com stamp 3 – acompanhantes de profissionais que já estão na Irlanda com visto de trabalho.

De onde vem a demanda no setor de cuidadores na Irlanda?

Na verdade, a carência do mercado ainda se deve à recessão de anos atrás, quando muitos enfermeiros e profissionais do setor debandaram para países como Canadá, Austrália e EUA em busca de melhores oportunidades. A recessão passou, a Irlanda se restabeleceu, mas muitos desses profissionais optaram por ficar onde estavam. Porém, a demanda aqui voltou a crescer.

O mercado para HCA é bem grande, com vagas por toda a Irlanda. O salário é compatível com a experiência, iniciando-se em 10,50 euros por hora. A carga horária também é bem variável, podendo acontecer em turnos de apenas 1h no dia, ou chegar a 12h, o que é mais comum nas Nursing Homes.

Como se candidatar para as vagas de cuidadores?

dreamstime_s_99425685

Como aplicar para vagas de cuidador na Irlanda? © Oleschwander | Dreamstime

A melhor forma de se candidatar para esse tipo de vaga é por agência de recrutamento. Um bom canal, na Irlanda, por exemplo, é o Facebook da Unisync Recruitment, especializada em recrutamento na área de saúde.  Ficar de olho no LinkedIn e se conectar à rede de outros profissionais da área, também é um meio de se alinhar com as novidades do setor e possíveis vagas.

Vale lembrar que, apesar da grande demanda e da possibilidade de estudantes de línguas poderem aplicar para as vagas, a profissão de Healthcare Assistant  não está qualificada na lista de critical skills, portanto não fornece visto de trabalho. Então, se você ainda está no Brasil e pensa em entrar no país com o visto de trabalho, este não é o melhor setor para tentar.

Aliás, os cursos do FETAC antes também validavam o visto de estudante Stamp 2, mas, infelizmente, com as muitas mudanças no processo de visto para a Irlanda, atualmente se você optar por se inscrever em um dos cursos técnicos do FETAC, terá que fazê-lo paralelamente com o curso de línguas: esse sim, garante o visto de estudante no país.

Porém, se você já está na Irlanda com qualquer outro visto que lhe permita trabalhar legalmente, já tem experiência no setor, ou possui certificações, o mercado é seu. Aliás, vale também como dica para aqueles que estão na Irlanda sem norte, pensando em investir em cursos para outras áreas profissionais com grande potencial no país. Pode ser um caminho. Um site interessante é o Chevron Training que prepara profissionais de diversos níveis para o setor de Saúde.

Aliás, para quem já comprou ingresso para o nosso E-Dublin XP III, que acontece no Senac Santo Amaro, em São Paulo, no dia 16 de março de 2019, esse será um dos assuntos abordados pela nossa gerente de conteúdo e palestante, Ávany França, que investiu em um mestrado na área de Psicologia, criando assim, melhores oportunidade profissionais na Irlanda.

Se você ainda não adquiriu o seu ingresso, corra, pois o primeiro lote já se esgotou. Não perca esta oportunidade de conhecer tudo sobre o mercado profissional e como é viver na Irlanda.

Imagens via Dreamstime
Encontrou algum erro ou quer nos comunicar uma informação?
Envie uma mensagem para [email protected]

Colaborador E-Dublin
Colaborador E-Dublin, Este conteúdo - assim como as respectivas imagens, vídeos e áudios - é de responsabilidade do colaborador do E-Dublin e está sujeito a alterações sem aviso prévio. Quer ver sua matéria no E-Dublin ou ficou interessado em colaborar? Envie sua matéria por aqui!

Este artigo foi útil?

Você tem alguma sugestão para a gente?

Obrigado pelo feedback! 👋

O que ver em seguida

Cadastre-se em
nossa newsletter

Seu email foi cadastrado.

Cadastrar outro email

Comentários

🍪

Este site usa cookies para personalizar a sua experiência. Ao utilizar o E-Dublin você concorda com a nossa política de privacidade.

Aceitar e fechar