Roteiro de cinco dias em Londres

Roteiro de cinco dias em Londres

Colaborador E-Dublin

2 anos atrás

Siga o E-Dublin no Instagram

Londres é uma das cidades mais visitada pelos turistas que estão de passagem pela Europa. E, sim, é possível aproveitar bastante o melhor da capital inglesa em cinco dias! Duvida?

Então venha com o E-Dublin nesse roteiro intenso e deixe sua viagem ainda mais inesquecível!

1º Dia

Aposte na culinária londrina. © Funandrejs | Dreamstime.com

Aposte na culinária londrina. © Funandrejs | Dreamstime.com

Impossível não dar a primeira dica ligada à culinária: tome um legítimo English Breakfast. Isso mesmo, aquele bem calórico! É fácil de encontrá-lo se estiver em um hostel ou mesmo se parar em um restaurante ou pub que esteja aberto pela manhã. Essa energia será importante, afinal, no primeiro dia em Londres nada melhor que sair batendo perna pela cidade.

Pegue o metrô mais próximo e desça em Westminster. Saindo da estação você vai dar de cara com o Big Ben e o famoso Parlamento Inglês. Após tirar algumas fotos, cruze a ponte e ande pela margem sul do histórico Rio Tâmisa, com direito a uma volta na roda gigante London Eye, onde você terá uma visão panorâmica da cidade.

Continue margeando o rio até chegar ao Tate Modern, um dos melhores museus de arte moderna do mundo. Logo ali do lado você verá o Shakespeare’s Globe, uma réplica do famoso teatro do século XVI. Cruze a Millennium Bridge e dê uma olhada na St.Paul’s Cathedral e sua arquitetura marcante.

À noite, vale pegar o metrô até a estação Angel, uma das mais descoladas regiões de Londres, com diversos pubs interessantes.

2º Dia

Troca da Guarda Real é uma experiência imperdível. © Daliu80 | Dreamstime.com

Troca da Guarda Real é uma experiência imperdível. © Daliu80 | Dreamstime.com

Prepare-se para mais um dia de caminhada e pegue o metrô até a estação Green Park, rumo ao Palácio de Buckingham e assista a troca da guarda, que acontece todos os dias de verão às 11h, ou dia sim/dia não no inverno. Visitas ao Palácio são possíveis, mas é melhor comprar o ingresso com antecedência.

Não deixe de passar pelo Green Park e seguir para o imprescindível Hyde Park, até este virar o Kensington Gardens. Nessa caminhada vale tomar um sorvete ou chocolate quente, dependendo da época do ano, ou segurar a fome para almoçar em um gastropub de South Kensington, um bom momento para experimentar o famoso fish and chips. Após o almoço, reserve a tarde para um passeio cultural. Passe pelo teatro Royal Albert Hall e caminhe até os museus de História Natural e Victoria & Albert, um ao lado do outro – só o design dos prédios já vale a visita!

3º Dia

Trafalgar Square outro ponto que deve ser visitado tanto de dia quanto a noite © Alexey Fedorenko | Dreamstime.com

Trafalgar Square outro ponto que deve ser visitado tanto de dia quanto a noite © Alexey Fedorenko | Dreamstime.com

Você chegou ao meio da sua estada e talvez já esteja bem exausto de andar por toda Londres. Então nada mais justo que relaxar, acordar um pouquinho mais tarde e sair para gastar uns pounds com souvenirs. Pegue o metrô até Picadilly Circus, suba toda a Regent Street e aproveite para fazer comprinhas por lá. Duas lojas merecem sua visita, nem que seja só para olhar: a da National Geographic e a de brinquedos Hamsley.

Caminhar até a Trafalgar Square, que é um grande ponto de encontro dos turistas, pode te animar a dar uma olhada no acervo renascentista impressionante que há na famosa National Gallery, no caminho até lá. A fome à essa altura já deve estar batendo, então suba até a Leicester Square, passando pelas ruas do Soho, até chegar em Chinatown. Há muitas opções de restaurantes na região, então fique à vontade para escolher o que te agrada mais. Encerre o seu dia um pouco mais cedo hoje e guarde as energias para os dois últimos dias.

4º Dia

Não deixe de explorar os fantásticos museus da cidades. British Museum é um deles. © Tupungato | Dreamstime.com

Não deixe de explorar os fantásticos museus da cidades. British Museum é um deles. © Tupungato | Dreamstime.com

Após recarregar as baterias no dia anterior, é hora de recomeçar o tour pela cidade, pois ainda há muito a ser visto! Vamos de metrô de novo: desça na estação de Russel Square e comece o dia no British Museum, um dos maiores e melhores acervos de relíquias pré-históricas, egípcias, gregas e romanas do mundo!

Depois, pegue um ônibus em direção ao Royal Court of Justice, onde você verá prédios antigos que resistiram ao incêndio de 1666 e aos bombardeios da 2ª Guerra. Siga até chegar à St. Paul’s Cathedral e, caso não tenha entrado lá, como sugerimos no primeiro dia, aproveite mais essa oportunidade para conhecê-la. A subida até a cúpula da catedral é longa, mas a vista ao chegar compensa! Continue o passeio até a London Tower, famosa por suas decapitações históricas, e depois siga até a também famosa Tower Bridge, que pode ser atravessada a pé. Do outro lado da ponte, explore as ruazinhas do bairro e sinta a atmosfera da Revolução Industrial do século XVII. Caminhe até o Borough Market, ótimo para achar comida boa e de várias partes do mundo. À noite, a sugestão é uma caminhada ao longo do Rio Tâmisa, que fica bem iluminado e perfeito para belas fotos.

5º Dia

Começar o dia nas redondezas de Nothing Hill é um must.© Richie Chan | Dreamstime.com

Começar o dia nas redondezas de Nothing Hill é um must.© Richie Chan | Dreamstime.com

Comece o dia em Notting Hill, conhecida por ter sido cenário do filme de mesmo nome. De lá, caminhe até a Portobello Road, onde há sempre um movimento comercial interessante, bom para pechinchar. As ruas nessa região também são um espetáculo à parte: há lojas e casas antigas, cafés charmosos, tudo com tanta cara de cidade pequena que destoa um pouco do cenário movimentado do centro de Londres. Muitas boas opções de restaurante também são atração na área. À tarde, pegar um ônibus até o bairro de Chelsea, que fica ao lado de Notting Hill, vale demais a pena. Chelsea é considerado por muitos o bairro mais agradável de Londres. Passeie um pouco por lá e é capaz de perder a noção da hora! Para o jantar de despedida, o restaurante do chef Jamie Oliver (sim, aquele da televisão!), Jamie’s Italian em Covent Garden, é uma ótima pedida.

Texto Matheus Rachid

Ficou com vontade de fazer intercâmbio em Londres? Comece por aqui!

Revisado por Tarcisio Junior
Imagens via Shutterstock
Encontrou algum erro ou quer nos comunicar uma informação?
Envie uma mensagem para [email protected]

Colaborador E-Dublin
Colaborador E-Dublin, Este conteúdo - assim como as respectivas imagens, vídeos e áudios - é de responsabilidade do colaborador do E-Dublin e está sujeito a alterações sem aviso prévio. Quer ver sua matéria no E-Dublin ou ficou interessado em colaborar? Envie sua matéria por aqui!

Este artigo foi útil?

Você tem alguma sugestão para a gente?

Obrigado pelo feedback! 👋

O que ver em seguida

  • Qual a melhor época para visitar a Europa?

    Clima

    Qual a melhor época para visitar a Europa?

    A Europa é o destino de muitos brasileiros — seja para quem for fazer um...

    Colaborador E-Dublin

    3 semanas atrás

    Qual a melhor época para visitar a Europa?
  • 5 destinos para curtir praia e calor na Europa

    Destinos pela Europa

    5 destinos para curtir praia e calor na Europa

    O verão finalmente começou a aparecer na Irlanda, mas quem mora por aqui sabe...

    Elizabeth Gonçalves

    3 meses atrás

    5 destinos para curtir praia e calor na Europa

Cadastre-se em
nossa newsletter

Seu email foi cadastrado.

Cadastrar outro email

Comentários

🍪

Este site usa cookies para personalizar a sua experiência. Ao utilizar o E-Dublin você concorda com a nossa política de privacidade.

Aceitar e fechar