UE propõe fechar fronteiras por 30 dias para conter coronavírus

UE propõe fechar fronteiras por 30 dias para conter coronavírus

Rubinho Vitti

4 meses atrás

Seguro Viagem

Sabia que é obrigatório ter um seguro viagem para ir pra Europa?

A presidente da Comissão Europeia propôs nesta segunda-feira, 16 de março, a restrição temporária de 30 dias para a entrada de estrangeiros em viagens não essenciais dentro dos 27 países do bloco, além de outros quatro que estão na área Schengen. A proposta precisa ser aprovada pelos chefes de estado na terça-feira.

A proposta foi feita pela presidente da Comissão, Ursula von der Leyen, em um vídeo via teleconferência com os líderes do G7 — Alemanha, Canadá, Estados Unidos, França, Itália, Japão e Reino Unido –, que se reuniram de forma extraordinária para coordenar as respetivas ações de combate contra o novo coronavírus nas áreas da saúde, economia, finanças e investigação.

Leia também: Irlanda endurece “quarentena” e fecha pubs e casas noturnas

No vídeo, Ursula disse que “a restrição deve existir por um período inicial de 30 dias, que pode ser prolongado conforme necessário”. Segundo a presidente, os líderes dos países da UE estão a par da proposta e que estão tendendo a votar a favor.

Linhas expressas — green lanes/fast lanes — para transporte de cargas também deverão ser criados entre os países para não impedir a economia entre os estados da UE.

Países da UE

  1. Alemanha
  2. Áustria
  3. Bélgica
  4. Bulgária
  5. Chipre
  6. Croácia
  7. Dinamarca
  8. Eslováquia
  9. Eslovênia
  10. Espanha
  11. Estônia
  12. Finlândia
  13. França
  14. Grécia
  15. Holanda
  16. Hungria
  17. Irlanda
  18. Itália
  19. Letônia
  20. Lituânia
  21. Luxemburgo
  22. Malta
  23. Polônia
  24. Portugal
  25. República Tcheca
  26. Romênia
  27. Suécia

Mais 4 que fazem parte da área Schengen

  1. Islândia
  2. Noruega
  3. Suíça
  4. Liechtenstein

Veja também

Tudo sobre o sistema de saúde na Irlanda

Rubinho Vitti
Rubinho Vitti, Jornalista de Piracicaba, SP, vive em Dublin desde outubro de 2017. Foi editor e repórter nas áreas de cultura e entretenimento. Também é músico, canceriano e apaixonado por arte e cultura pop.

Este artigo foi útil?

Você tem alguma sugestão para a gente?

Obrigado pelo feedback! 👋

O que ver em seguida

Cadastre-se em
nossa newsletter

Seu email foi cadastrado.

Cadastrar outro email

Comentários

🍪

Este site usa cookies para personalizar a sua experiência. Ao utilizar o E-Dublin você concorda com a nossa política de privacidade.

Aceitar e fechar