Universidade de Montreal lança bolsas de estudo

Universidade de Montreal lança bolsas de estudo

Rubinho Vitti

7 meses atrás

Seguro Viagem

Sabia que é obrigatório ter um seguro viagem para ir pra Europa?

Uma das instituições de ensino de língua francesa mais importantes do mundo, a UdeM (Université de Montréal — Universidade de Montreal) abriu um novo programa de bolsas de estudo para excluir taxas adicionais de estudantes internacionais. O objetivo é permitir que os melhores talentos de todos os países integrem a universidade.

Universidade de Montreal tem diversas oportunidades de bolsas para estudantes internacionais. Foto: Zhengyu Qi/Unsplash

Para ter a bolsa, o estudante internacional deve ter recebido uma oferta de ingresso em um programa de estudos oferecido na UdeM. A contrapartida é manter o status de estudante em período integral sem interrupção durante todo o programa de estudos.

O bolsista também não poderá se beneficiar de qualquer outra forma de isenção aplicável às taxas e não estar matriculado em um programa de estudo gratuito. As bolsas de estudo são válidas para alunos de graduação que sejam admitidos no verão ou no outono de 2020 e alunos de pós-graduação.

Leia também: Intercâmbio na Irlanda gratuito é possível?

Existem mais de 5.000 fontes de financiamento oferecidas pela Udem, empresas, fundações e várias organizações públicas e privadas. Para estudantes internacionais, certas bolsas de estudos permitem uma redução considerável no valor do pagamento e várias fontes de financiamento. Os estudos de graduação e pós-doutorado fornecem mais de 8 milhões de dólares por ano em apoio financeiro aos estudantes.

A Université de Montréal tem duas escolas afiliadas, a HEC Montréal e a École Polytechnique de Montréal. É a principal universidade de Quebec, a segunda no Canadá e uma das maiores do mundo de língua francesa. São 16 faculdades, 300 grupos e centros de pesquisa e uma ampla rede de instituições afiliadas.

Rubinho Vitti
Rubinho Vitti, Jornalista de Piracicaba, SP, vive em Dublin desde outubro de 2017. Foi editor e repórter nas áreas de cultura e entretenimento. Também é músico, canceriano e apaixonado por arte e cultura pop.

Este artigo foi útil?

Você tem alguma sugestão para a gente?

Obrigado pelo feedback! 👋

O que ver em seguida

Cadastre-se em
nossa newsletter

Seu email foi cadastrado.

Cadastrar outro email

Comentários

🍪

Este site usa cookies para personalizar a sua experiência. Ao utilizar o E-Dublin você concorda com a nossa política de privacidade.

Aceitar e fechar