Este site usa cookies para melhorar a experiência do usuário. Ao utilizar o nosso site você concorda com todos os cookies de acordo com nossa Política de cookies/privacidade. Concordo
Saúde

Venda de medicamentos nas redes sociais: entenda os riscos

Colaborador E-Dublin postou em 23 jul 2018

Entenda os riscos de comprar medicamentos nas redes sociais durante o intercâmbio

Ficou na dúvida sobre medicamentos? Foto: Shtterstock

Ficou na dúvida sobre medicamentos? Foto: Shtterstock

Tudo pronto pro intercâmbio? Passaporte, dinheiro, roupas, calçados, escola de inglês… mas, e a saúde? Fez check up? Foi ao dentista? E quanto a medicação? Faz uso de algum medicamento específico? Esse é o foco do texto de hoje!

Para quem faz uso contínuo, a dica é: calcule a quantidade que precisará para o período de intercâmbio e leve, também, um excedente proporcional (Por exemplo: se planejou ficar 6 meses, leve um excedente de 3 meses). Se está levando somente por precaução, lembre-se de levar para casos mais recorrentes em sua saúde, tais como gripes, resfriados, má digestão, etc.

Cuidados essenciais

Nos dois casos, contínuo e precaução, há de se tomar cuidado com o armazenamento, assim como no Brasil. Para proteger o medicamento é preciso deixá-lo em local seco, arejado e longe da luz solar ou do aquecedor. A Irlanda é um país muito úmido, então sempre dê uma olhadinha no local onde guardou os seus remédios.

Outro erro corriqueiro é descartar as embalagens dos medicamentos para poupar espaço na mala. É sempre melhor manter o medicamento na embalagem original. Só retire da caixa se tiver lote e validade no blíster (parte da embalagem diretamente em contato com o remédio), e nunca retire do blíster e coloque em outra embalagem se for deixá-lo guardado durante um longo período. Tomar um medicamento alterado ou vencido pode trazer mais malefícios que benefícios para a sua saúde.

Observe também o aspecto e o odor antes de ingerir. Se houver alteração, descarte. Sempre tome medicação com água e tome cuidado com as interações medicamentosas. Uma dica geral é dar intervalos entre 3-4 horas ao ingerir medicamentos diferentes. Qualquer dúvida, leia a bula ou entre em contato com quem o manufaturou.

Foto: Shutterstock

Foto: Shutterstock

Comércio paralelo

Sobre a parte legal em relação aos medicamentos, se algo é ilegal em um país, provavelmente será nos outros também, então a venda indiscriminada de medicamentos é totalmente proibida – se essa atividade envolver medicamentos controlados, popularmente conhecidos como “tarja preta” e antibióticos, é considerado um crime grave.

É muito comum observar nas comunidades virtuais a troca e venda de medicamentos. O que pode parecer uma boa e, principalmente, uma economia, já que para se conseguir uma prescrição médica na Irlanda você precisará passar por uma consulta médica (e ela não custará menos de 50 euros), pode trazer sérias implicações. Como?

Primeiramente, porque a venda de medicamento por pessoas não autorizadas é uma prática ilegal em qualquer país do mundo. Somente uma empresa registrada com Farmacêutico responsável pode comercializar medicamentos. Então, se alguém é descoberto comercializando qualquer tipo de remédio, especialmente em outro país, estará em sérios problemas. E não digo isso para assustar! A punição também dependerá do tipo de medicamento, da quantidade e da profissão da pessoa envolvida (um profissional da área da Saúde sofrerá consequências maiores). Além disso, se houver algum dano à saúde da pessoa que comprou, o vendedor também pode ser responsabilizado.

É bem provável que a pessoa tenha que responder na justiça local do país e também na brasileira. Na Irlanda, a condenação para tráfico internacional de drogas é de no mínimo um ano de prisão e no máximo perpétua, dependendo do caso. Vale ficar atento a essas questões antes de pensar na possibilidade de fazer uma grana extra com o comércio de medicamentos por aqui.

O perigo para quem compra

O segundo ponto é que o risco da venda indiscriminada de medicamentos não possui apenas efeitos legais. Para quem compra também pode ser um risco. Como já citei anteriormente, os medicamentos precisam ser armazenados em local seco, arejado, sem grandes variações de temperatura e umidade. Portanto, ao comprar um medicamento de terceiros, você dificilmente saberá se essas recomendações foram seguidas. É possível, por exemplo, que você esteja desperdiçando dinheiro com um medicamento que não fará o efeito esperado, por ter sido armazenado de forma incorreta.

Entretanto, você intercambista prestes a vir para a Irlanda, inclua no seu checklist uma lista com os medicamentos que você possa precisar durante seu intercâmbio, tendo o cuidado de solicitar ao seu médico, antes da viagem, a prescrição correspondente, escrita em Português e com a assinatura e carimbo dele. Dessa forma você estará livre de quaisquer complicações. Outra dica importante é tentar verificar, antes de viajar, se a medicação que você está levando é vendida na Irlanda, pois se ocorrer algum imprevisto, como perda, vencimento, alteração do medicamento, você terá como solicitá-lo a um médico local.

Qualquer dúvida, entre em contato com seu Farmacêutico, com o Conselho Regional de Farmácia da sua região, ou até mesmo com a ANVISA. Boa viagem e boa sorte!

Sobre o autor:
Intercâmbiopic4Mariana Meier é farmacêutica-bioquímica, formada pela UNESP, escritora, agitada, correta e profissional. Nasceu com a curiosidade e perseverança de um felino e logo percebeu que sempre ia mais afundo nas áreas de seu interesse. Durante a vida universitária fez parte de grupos extracurriculares que a fizeram ser mais crítica, correr atrás de seus direitos e conhecer seus deveres. Trabalha há alguns anos na Indústria Farmacêutica, o que a fez conhecer diferentes culturas e aprender outros idiomas. Acabou de regressar da Irlanda, depois de um certo tempo de intercâmbio, e tem conhecimentos e informações revelantes para compartilhar.

Sobre o Autor


Este conteúdo - assim como as respectivas imagens, vídeos e áudios - é de responsabilidade do colaborador do E-Dublin e está sujeito a alterações sem aviso prévio. Quer ver sua matéria no E-Dublin ou ficou interessado em colaborar? Envie sua matéria por aqui!

Veja todos meus outros Posts

Orçamento Fácil

Preencha um formulário e receba orçamento de escolas e agências

Comece agora

E-Dublin: Tudo sobre Intercâmbio


Recentes e populares

Dicas de Viagem

Como levar medicação para a Europa?

1 mês atrás, por Elaine Wzorek
E-Dublin TV

Fazer yoga no intercâmbio na Irlanda

1 mês atrás, por Mah Marra
Pré-intercâmbio

Levando Remédios na mala

1 mês atrás, por Edu Giansante
Irlanda

Irlanda aprova legalização do aborto em referendo

3 meses atrás, por Elizabeth Gonçalves
Ká Estou Eu

Como é a Saúde na Irlanda

3 meses atrás, por Karine Keogh
Destaques

Como planejar o seu intercâmbio na Irlanda: Preparação

3 meses atrás, por Elizabeth Gonçalves
Saúde

Já ouviu falar em seguro família?

4 meses atrás, por Elizabeth Gonçalves
Meu Intercâmbio

A Irlanda é o destino que você procura?

4 meses atrás, por Caroline Rodrigues
Pré-intercâmbio

Como levar dinheiro para a Irlanda

4 meses atrás, por Elizabeth Gonçalves
Pré-intercâmbio

O que levar na sua bagagem para o intercâmbio?

4 meses atrás, por Colaborador E-Dublin