Este site usa cookies para melhorar a experiência do usuário. Ao utilizar o nosso site você concorda com todos os cookies de acordo com nossa Política de cookies/privacidade. Concordo
Cultura

Você sabia? Batalha de Clontarf

Carol Braziel postou em 10 nov 2015

Quando batemos na tecla de que os irlandeses possuem uma história e cultura riquíssimas, não estamos mentindo e nem exagerando. O país, que passou pelo domínio de muitos povos, ocasionando inúmeras invasões e batalhas pelo território, teve como uma das mais famosas batalhas contra os Vikings.

Festival Batalha de Clontarf. Créditos: Site clontarf.ie

Festival Batalha de Clontarf. Créditos: Site clontarf.ie

Em 1002, a Irlanda, que era dividida por reinos, teve Brian Boru, antes rei de Munster, autoproclamado o Grande Rei de toda a ilha, após conseguir unificar todos os reinos. Segundo relatos, ele era um rei popular, que gostava de música, das artes e incentivador das construções.

Mas claro que havia um outro rei dentre os reinos que ele dominou, que não aceitava o reinado de Brian, no caso, Máel Mórda, Rei de Leinster. Ele aproveitou as tentativas Vikings de invasão à Irlanda e se uniu a eles com o objetivo de destituir Brian Boru e ficar com o poder. Foi então que, em 23 de abril de 1014, numa sexta-feira santa, aconteceu uma das batalhas mais sangrentas da história irlandesa, a Batalha de Clontarf.

Batalha de Clontarf pintada por Hugh Frazer, 1826. Créditos: Wikimedia.

Batalha de Clontarf pintada por Hugh Frazer, 1826. Créditos: Wikimedia.

Após um dia de lutas e milhares de mortes, a Irlanda foi nomeada vencedora. No entanto, a vitória não foi completa, pois o rei Brian Bru, aos seus 70 anos, foi decapitado durante a batalha, deixando o país nas mãos do seu sucessor, que não teve o mesmo êxito como rei. Na realidade, a Irlanda nunca mais teve um rei com a imponência de Brian Boru, que conseguisse unificar toda a ilha novamente.

Por ter se sacrificado pelo seu país, Brian Bru é considerado o primeiro grande herói da história irlandesa e símbolo, até hoje, do espírito guerreiro de quem não desistiu e morreu lutando por seu país.

Curiosidade: Ainda hoje, o símbolo nacional da Irlanda é a Harpa de Brian Boru, que, segundo relatos, está conservada no Trinity College, em Dublin.

Escultura de Brian Boru - Castelo de Dublin. Créditos: Wikimedia

Escultura de Brian Boru – Castelo de Dublin. Créditos: Wikimedia

Revisado por Tarcisio Junior

Encontrou algum erro ou quer nos comunicar uma informação?
Envie uma mensagem para [email protected]

Sobre o Autor


Carolina Braziel é formada em Relações Públicas e pós-graduada em MKT pela ESPM|Brasil. Com mais de seis anos de experiência em MKT, decidiu vivenciar o sonho de morar na Europa, mais precisamente na terra dos Leprechauns. Apaixonada incurável por viagens, tem como vício a leitura e pesquisa sobre destinos, curiosidades e roteiros de viagens pelo mundo.

Veja todos meus outros Posts

Orçamento Fácil

Preencha um formulário e receba orçamento de escolas e agências

Comece agora

E-Dublin: Tudo sobre Intercâmbio


Recentes e populares

Curiosidades

Superstições irlandesas na Sexta-Feira 13

1 semana atrás, por Tarcisio Junior
E-Dublin TV

Curiosidades sobre Dublin que você não sabia

3 semanas atrás, por Tarcisio Junior
Publicidade

Estude e trabalhe em Dún Laoghaire, na Irlanda

3 semanas atrás, por Publicidade E-Dublin
Cultura

Como é a Páscoa na Irlanda?

1 mês atrás, por Colaborador E-Dublin
Curiosidades

12 curiosidades sobre o St. Patrick’s Day

1 mês atrás, por Tarcisio Junior
Eventos e Festivais

5 fantasias para curtir o St. Patrick’s Day

1 mês atrás, por Elizabeth Gonçalves
Cultura

Um passeio pelos símbolos Celtas

2 meses atrás, por Elaine Wzorek