Este site usa cookies para melhorar a experiência do usuário. Ao utilizar o nosso site você concorda com todos os cookies de acordo com nossa Política de cookies/privacidade. Concordo
TI na Irlanda

Você terá chance no mercado de TI na Irlanda?

Colaborador E-Dublin postou em 28 abr 2017

Em meu último artigo, contei sobre “Como ingressei no mercado de TI na Irlanda”. Agora é a vez de falar um pouco sobre a minha visão do mercado de tecnologia na Irlanda.

É verdade que muito se fala sobre o mercado aquecido na Irlanda, com a corrida de empresas por profissionais e as muitas oportunidades para estrangeiros, porém vale frisar que:

1. A maioria absoluta das vagas abertas no mercado são para profissionais com cidadania europeia;

2. Para as vagas restantes, aquelas que chegam aos não-europeus, pede-se perfil de especialista, ou seja, alguém com diploma universitário e 5+ anos de experiência em uma função (ou tecnologia) específica. Não adianta, por exemplo, ter 5+ anos de experiência mas sendo dividido entre 2 anos como tester, 2 anos como desenvolvedor PHP e 1 ano como desenvolvedor Java. As empresas buscando um desenvolvedor Java pedirão alguém com os “5+ anos de experiência desenvolvendo aplicações em Java”.

Sem estes requisitos, fica muito difícil conseguir um visto de trabalho para a área de TI na Irlanda. Exceções existem, mas essa é a regra geral para quem precisa de visto para trabalhar com tecnologia em Dublin ou em outras regiões do país. Tendo isso em mente, é fácil visualizar que profissionais de nível Júnior/Pleno, profissionais sem diploma de nível superior e sem passaporte europeu, dificilmente conseguirão um emprego permanente com visto de trabalho nessa área.

Tem todos os requisitos, mas não sabe por onde começar?

Aposte nas empresas com histórico de contratações de profissionais em TI na Irlanda. Crédito: Shutterstock

Aposte nas empresas com histórico de contratações de profissionais em TI na Irlanda. Crédito: Shutterstock

Uma dica valiosa para aumentar a eficiência de sua busca por oportunidades na Irlanda é focar nas empresas com histórico de patrocínio de visto de trabalho. Através do site do Departamento de Empregos, você tem acesso ao documento chamado “Companies issued with Permits 2016”, onde estão listadas todas as empresas que forneceram visto de trabalho no ano de 2016. Com a lista em mãos, envie seu currículo diretamente para essas empresas e suas chances serão bem maiores.

Como é o processo seletivo para TI na Irlanda?

Vou me limitar a comentar apenas sobre as vagas para desenvolvedor de software, área em que atuo. O processo seletivo na Irlanda, no geral, é bem mais difícil e demorado do que no Brasil. Pode levar de 1 a 2 meses entre todas as fases, até se receber a resposta final da empresa.

Geralmente, quanto mais “senioridade” o cargo exigir, mais complicado e longo será o processo. O mesmo vale para o nível da empresa – as mais conceituadas e renomadas costumam ter um processo composto por diversas entrevistas e testes. Já empresas pequenas e médias, em alguns casos, a coisa pode caminhar de forma mais rápida e menos rigorosa.

Como se preparar e o que esperar?

Prepare-se para demonstrar desenvoltura na solução de problemas na hora da entrevista na Irlanda. Foto: Shutterstock

Prepare-se para demonstrar desenvoltura na solução de problemas. Foto: Shutterstock

Para cargos técnicos (desenvolvedores, arquitetos, DBAs, etc.), recomendo uma boa preparação para as entrevistas. Esteja pronto para responder perguntas específicas da tecnologia em que você trabalha (por exemplo, se for Java ou Python) e também para resolver problemas utilizando estruturas de dados e algoritmos. Sites como o LeetCode  e HackerRank são úteis para uma boa preparação.

Muitas vezes, é pedido para resolver o problema utilizando um computador (seja remoto ou presencial). Em outras, você terá que resolver em um quadro branco, junto de 1 ou 2 engenheiros da empresa. Nessas etapas, o foco não é exatamente resolver o problema, mas verificar como você aborda a questão: se faz uma análise elaborada antes de começar a escrever a solução, se faz as checagens iniciais necessárias para evitar dados inválidos e também para verem o quão organizado é seu código e qual é seu estilo de escrita. É muito importante fazer perguntas, explicar bem o seu raciocínio e especialmente o porquê de ter optado por tal decisão.

Outras questões variam de acordo com a vaga e também área do mercado da empresa. Por exemplo, se a vaga for para uma empresa que está desenvolvendo um novo “Twitter” (ou para o próprio Twitter), você pode esperar perguntas de performance e escalabilidade de milhões de usuários. Se for para uma empresa menor, produzindo ferramentas internas com poucos usuários, dificilmente perguntarão coisas parecidas.

Em meu próximo artigo, pretendo listar as rotas que conheço para conseguir uma oportunidade na área de tecnologia na Irlanda, seja para pessoas com passaporte europeu ou não.

Fique de olho!

Sobre o autor:
Guilherme MacedoMestre em Engenharia de Software, Guilherme Macedo possui mais de 10 anos de experiência profissional e trabalha na Irlanda desde 2011. Focado em Java e, mais recentemente, JavaScript, desenvolveu, também, um gosto por cloud computing. Fora da computação, gosta muito de praticar jiu-jitsu e jogar video-game.

Revisado por Tarcísio Junior
Imagens via Shutterstock
Encontrou algum erro ou quer nos comunicar uma informação?
Envie uma mensagem para [email protected]

Sobre o Autor


Este conteúdo - assim como as respectivas imagens, vídeos e áudios - é de responsabilidade do colaborador do E-Dublin e está sujeito a alterações sem aviso prévio. Quer ver sua matéria no E-Dublin ou ficou interessado em colaborar? Envie sua matéria por aqui!

Veja todos meus outros Posts

Orçamento Fácil

Preencha um formulário e receba orçamento de escolas e agências

Comece agora

E-Dublin: Tudo sobre Intercâmbio


Recentes e populares

Essenciais

Quais são os tipos de Vistos na Irlanda?

3 semanas atrás, por Colaborador E-Dublin
E-Dublin TV

Trabalho de programador Java na Irlanda

3 meses atrás, por Edu Giansante
E-Dublin TV

Arquitetura de Software na Irlanda

5 meses atrás, por Edu Giansante
Trabalho

É possível trabalhar com enfermagem na Irlanda?

5 meses atrás, por Elizabeth Gonçalves
Publicidade

Conquiste uma experiência internacional na Irlanda

5 meses atrás, por Publicidade E-Dublin
Trabalho

5 sites para procurar vagas de marketing na Irlanda

6 meses atrás, por Elizabeth Gonçalves